Vasco

Justiça homologa acordo e Nenê receberá quantia milionária do Vasco

Nenê pelo Vasco (Foto: David Nascimento/Esporte News Mundo)

O juiz Marcelo Segal, da Vara 26 do Trabalho do Rio do Tribunal Regional do Trabalho da Primeira Região (TRT-1) homologou, no fim da noite da última quarta-feira, o acordo de Nenê com o Vasco, encerrando o processo que corria desde o início do ano. O Esporte News Mundo teve acesso a detalhes do caso. O clube de São Januário terá que pagar R$ 1,25 milhão, via Ato Trabalhista.

A cobrança original de Nenê contra o Vasco era de R$ 2.994.390,10 – com isto, o acordo fez a dívida sofrer uma redução de 58%. O valor do acordo engloba diferenças de Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS), férias indenizadas mais um terço constitucional, além das multas pelos artigos 467 e 477 da CLT. Nenê defendeu as cores do Cruz-Maltino entre os anos de 2015 e 2018. Hoje, o jogador defende o Fluminense.

> Confira a seguir a íntegra da sentença!

Homologo o acordo proposto pelas partes, juntado aos autos em 23/06/2020 (ID e2dd155), ressalvando que o recolhimento das cotas previdenciária e fiscal (caso devidas), serão deencargo exclusivo da parte ré. A comprovação DEVERÁ SER FEITA EM UMA SÓ OPORTUNIDADE E EM ATÉ 15 DIAS APÓS O CUMPRIMENTO TOTAL DO ACORDO, sob pena de execução acrescida de 20%, independentemente de intimação.

Sendo o valor total – R$ 1.250.000,00 a ser pago na CAEX pelo JUÍZO AUXILIAR DE EXECUÇÃO CENTRALIZADA – Execução centralizada do CLUB DE REGATAS VASCO DA GAMA (0002667-80.2011.5.01.0000 – Ato 20/2020). Custas no valor de R$ 23.357,80, pro rata, autor dispensado. Intimem-se e encaminhe-se o processo para a CAEX.

Após, ao arquivo definitivo

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top