Futebol Internacional

Lampard salva Everton do rebaixamento e comenta relação com torcedores

Foto: Divulgação / Everton

O Everton sofreu, mas conseguiu evitar o rebaixamento na Premier League após emocionante vitória sobre o Crystal Palace, atuando em casa. Depois de estar perdendo por 2 a 0, a equipe conseguiu virar o placar para 3 a 2, tendo anotado o último gol já aos 40 do segundo tempo, com Dominic Calvert-Lewin. O gol da salvação provocou uma invasão de alguns torcedores ao campo de jogo para celebrar o feito. Após a partida, o técnico Frank Lampard comentou a relação com a torcida.

— Foi incrível tudo aquilo que vivemos. Todos os créditos são para os torcedores e pela maneira como eles nos apoiaram. Precisamos manter o foco e pensar no Arsenal, não é fácil. Tivemos algumas dificuldades durante o jogo e os torcedores que foram ao nosso estádio viram essas dificuldades, mas não deixamos de lutar pelo objetivo — disse Lampard.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Após passagem frustrada pelo Chelsea, o treinador de 43 anos foi anunciado pelo Everton em janeiro deste ano. O objetivo era melhorar o rendimento da equipe, que vinha sendo comandada pelo espanhol Rafa Benítez. Lampard recebeu os reforços de Donny van de Beek e Dele Alli neste período e, com muitas dificuldades, conseguiu o objetivo de manter o Everton na elite. Para ele, o trabalho precisa continuar sendo feito.

— Precisamos seguir lutando, seguir tentando e acreditamos que é possível fazer melhor. Nós queremos ser melhores, queremos seguir evoluindo. Essa união com os torcedores é fundamental para fazer esse clube crescer e lutar por objetivos maiores — finalizou Lampard.

Como último jogo da temporada, o Everton entra em campo no próximo domingo (22), às 12hs (de Brasília), quando vai encarar o Arsenal, fora de casa, pela última rodada da Premier League. Sem mais riscos de rebaixamento, a equipe tentará surpreender o adversário para terminar em uma posição melhor dentro da tabela de classificação.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top