Esportes olímpicos

Leonardo de Deus faz o segundo melhor tempo e garante vaga na final dos 200m borboleta

Foto: CBDA / Twitter

No quarto dia de competições no Centro Aquático de Tóquio, o brasileiro Leonardo de Deus entrou na água em busca de uma vaga na final do 200m borboleta. A concorrência era grande por um lugar na próxima fase: os húngaros Kristof Milak e Tamás Kenderesi; o japonês Daiya Seto; além de Chad Le Clos (África do Sul), campeão olímpico da prova em Londres-2012.

+ Natação: Na disputa dos 200m livre masculino, brasileiro Fernando Scheffer conquista a medalha de bronze

Apesar da presença de nomes importantes na prova, o nadador brasileiro estava focado em melhorar seu desempenho na prova em Jogos Olímpicos. Em Londres, Léo de Deus foi apenas o 21º colocado, enquanto que no Rio, em 2016, também não conseguiu chegar à final e terminou a competição em 13º.

BATERIA 1

Na primeira bateria da semifinal, o veterano Chad Le Clos fez uma excelente largada e logo abriu vantagem para os demais nadadores. Ele manteve o ritmo no final dos 100 metros com um corpo à frente do segundo colocado. A partir da segunda metade da prova, o sul-africano cansou e viu os adversários se aproximarem. A chegada foi emocionante e com vitória de Chad Le Clos (1:55.06); em segundo o húngaro Tamas Kenderesi (1:55.17); e na terceira colocação Honda Tomoru (1:55.31).

+ Agenda Olímpica: Dias e Horários das competições nos Jogos Olímpicos de Tóquio

BRASIL NA ÁGUA

Na manhã desta segunda-feira (26), Léo de Deus alcançou a melhor marca da carreira na prova, com o tempo de 1:54.83 e terminou como o terceiro melhor nadador de toda a classificatória. Por conta do resultado, a expectativa era alta na busca por uma vaga entre os oito melhores nadadores. O brasileiro disputou a segunda bateria da semifinal e largou na raia cinco, ao lado do recordista mundial e um dos favoritos do 200m borboleta, o húngaro Kristof Milak.

Em uma série mais forte, Leonardo de Deus buscou controlar o início da prova, apesar de não estar entre os líderes na primeira parcial dos 50 metros. Na segunda volta na piscina, o brasileiro começou a aumentar um pouco mais o ritmo e bateu em terceiro, ao final dos 100 metros.

Enquanto Milak abria vantagem dos demais competidores, Léo aproveitou os últimos 50 metros para crescer na prova e terminar a bateria em segundo lugar com o tempo de 1:54.94. O nadador brasileiro garantiu uma vaga na final na segunda colocação geral, atrás apenas do húngaro recordista mundial. O italiano Federico Burdisso fechou a série em terceiro lugar.

Siga Ao Vivo os JOGOS OLÍMPICOS no Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook

CLASSIFICAÇÃO FINAL

1. Kristof Milak (Hungria) – 1:52.22

2. Leonardo de Deus (Brasil) – 1:54.97

3. Chad Le Clos (África do Sul) – 1:55.06

4. Federico Burdisso (Itália) – 1:55.11

5. Tamas Kenderesi (Hungria) – 1.55:17

6. Gunnar Bentz (Estados Unidos) – 1:55.28

7. Krzysztof Chmielewski (Polônia) – 1:55.29 8. Tomoru Honda (Japão) – 1:55.31

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top