Futebol Internacional

Lewandowski garante o prêmio de melhor jogador do mundo

FOTO: DIVULGAÇÃO / BAYERN DE MUNIQUE

O mais aguardado prêmio do ano da Fifa foi divulgado nesta segunda-feira (17), na sede da entidade. O melhor jogador do mundo foi conhecido e a premiação principal foi para as mãos de Robert Lewandowski, que superou Lionel Messi e Mohamed Salah. A premiação foi divulgada por Gianni Infantino e o atacante polonês recebeu o troféu das maõs de Oliver Kahn, tendo também a presença do técnico Julian Nagelsmann.

— Muito obrigado. Estou muito orgulhoso por conquistar esse troféu. Quero dividí-lo com meus companheiros de equipe e meu treinador. Estou em busca de mais premiações como esta — afirmou Lewandowski.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Os onze ideais da última temporada também foi divulgada pela FIFA e a formação escolhida foi um 3-4-3, com uma formação bastante ofensiva. A escalação ficou com: Gianluigi Donnarumma; David Alaba, Rubén Dias e Leonardo Bonucci; Jorginho, N’Golo Kanté e Kevin De Bruyne; Cristiano Ronaldo, Lionel Messi, Erling Haaland e Robert Lewandowski.

— É uma oportunidade maravilhosa estar aqui. Desde muito jovem eu sempre gostei de fazer gols e sempre tive essa sede. É muito bom assistir futebol, mas melhor ainda jogar e fazer gols — disse Haaland. O zagueiro Leonardo Bonucci também falou sobre a escolha da FIFA.

— Nós temos um time aqui sensacional, com o Kanté, o Jorinho e o De Bruyne. Acredito que com essa companhia, fica fácil jogar, disse Bonucci, também acompanhado de Donnarumma.

— Com um time desse eu posso ficar bastante tranquilo na defesa. Isso fica muito mais fácil. É um orgulho para mim estar entre esses onze — finalizou Donnarumma.

Premiação para as melhores jogadoras:

No futebol feminino a premiação foi para Alexia Putellas, do Barceloa, que recebeu o prêmio do presidente da Fifa, Gianni Infantino. A jogadora já havia recebido a premiação também da revista “France Football” e superou Sam Kerr (Chelsea) e Jennifer Hermoso (Barcelona).

— Quero agradecer primeiramente às minhas companheiras. Essa premiação é de todas. Vou continuar com a mesma dedicação e espero que possamos ter um grande desempenho no gramado. Acredito que na Espanha há muito talento no futebol e precisávamos só de tempo de trabalho. Chegar aqui é um fruto de muitos anos de trabalho. O Barcelona fez um trabalho incrível e continua fazendo para que outras meninas possam conquistar essa premiação — disse Alexia Putellas.

As melhores 11 da Fifa na temporada também foram divulgadas e teve uma presença brasileira, com Marta novamente estando entre as melhores do mundo. O time ideal ficou com: Endler; Bronze, Renard, Bright e Eriksson; Banini, Lloyd, Bonansea; Miedema, Marta e Morgan

— Acredito que esse time é muito forte no sistema defensivo, mas também é um time de muita qualidade. Acho que faríamos muitos gols se esse time pudesse entrar em campo — disse Lloyd.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top