Copa do Nordeste

Luís Fernando Flores revela surpresa com postura do CSA diante do Fortaleza e alerta sobre o Bahia: “É um adversário perigoso”

Foto: Reprodução/TV Leão

Na tarde do último sábado (17), na Arena Castelão, o Fortaleza recebeu, pela fase de quartas de final da Copa do Nordeste 2021, a equipe do CSA. Como resultado do confronto, vitória por 2×1 dos donos da casa. Com gols de David e Bruno Melo, o Leão do Pici superou o rival alagoano e, devido ao formato de jogo único, confirmou sua classificação às semifinais do Nordestão, onde enfrentará a equipe do Bahia no próximo sábado (24), também na Arena Castelão.

Em coletiva pós-jogo, o auxiliar técnico Luís Fernando Flores, que esteve encarregado de comandar o Fortaleza à beira do campo e de substituir Enderson Moreira, suspenso, comentou sobre a partida. Primeiramente, Luís revelou que a postura da equipe alagoana surpreendeu o time cearense:

– Nos pegou de surpresa (a postura do CSA). Entraram em campo apenas com um volante, ou seja, bem ofensivo. E o CSA é um bom time, possui jogadores técnicos… Então, dificultou bastante. Deixamos eles trocarem passes, mas, no intervalo, conseguimos mudar tudo isso.

Luís Fernando Flores comentou, também, sobre a entrada de Wellington Paulista no intervalo, que supriu a ausência de um centroavante de área:

– São situações que acontecem ao longo dos treinos. Nós testamos várias situações e renderam muito bem. Sabemos do que o Wellington pode entregar, pois ele é um grande jogador. Foi mais uma opção tática.

Por fim, Luís Fernando Flores comentou sobre o Bahia, que enfrentará o Fortaleza nas semifinais da Copa do Nordeste 2021. Com a Copa Sul-Americana estando pela frente no calendário da equipe baiana, o auxiliar técnico do Leão comentou sobre uma possível influência do torneio internacional no duelo entre os rivais nordestinos:

– Não beneficia em nada (a Sul-Americana no meio do caminho do Bahia). O Bahia é um grande clube, é um adversário perigoso. Pode ser que esteja um pouco mais desgastado, mas continua sendo um grande clássico.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top