Vasco

Marcelo Cabo culpa arbitragem pela eliminação do Vasco: ‘Imagino que tenham árbitros melhores para apitarem as nossas partidas’

Foto: Reprodução-YouTube

Precisando da vitória, o Vasco empatou com o Boavista em 2 a 2 e foi eliminado do Campeonato Carioca. Recém-chegado ao Gigante da Colina, o treinador Marcelo Cabo elogiou a postura da equipe, mas criticou a atuação do árbitro:

– Consternação muito grande e tristeza pela eliminação do Vasco, além do mais da forma que foi, com interferência direta da arbitragem. Um pênalti claro ao nosso favor. O árbitro interferiu direto no resultado. Infelizmente para um jogo dessa importância, de classificação, colocaram um árbitro que está fazendo apenas seu quarto jogo na Primeira Divisão. Imagino que tenham árbitros melhores para apitarem as nossas partidas. Ele interferiu direto na eliminação do Vasco. Se ele desse o pênalti, seria 3 a 2. Muita tristeza porque o Vasco é muito grande para sair nessa fase – desabafou Cabo, que por outro lado, está esperançoso para o restante do ano:

– O Vasco é muito grande para ser eliminado tão cedo no Carioca, mas agora vamos sentar para analisar como será o Vasco para as grandes competições que iremos disputar. Tentaremos tirar proveito do que construímos ao longo do campeonato, mesmo com a eliminação – relatou o treinador.

Marcelo acredita que mesmo com a eliminação, o Vasco soube aproveitar os jogos no Carioca para evoluir, e prevê que o time só tem a crescer:

– O Vasco vem se preparando bem para as duas competições. Passamos das duas primeiras fases da Copa do Brasil e agora estamos na terceira. O Vasco virá forte tanto na Copa do Brasil quanto na Segunda Divisão, pois estamos focados e nos preparando bastante. Na Série B vamos encontrar um retrato do jogo de hoje, que foi times tentando se fechar caso façam um gol logo no início – analisou Cabo.

– Entramos desatentos, tomamos dois gols de bola parada no começo do jogo. Isso vai contra a postura que tivemos nos outros jogos, onde começamos os jogos muito bem. O Vasco propôs o jogo, as substituições no segundo tempo surtiram efeito e ficamos boa parte do jogo pressionando o Boavista. Nossos atletas se doaram e se entregaram até o final, e essa vai ser a tônica do Vasco pro restante do ano – finalizou o treinador.

O próximo jogo do Vasco é no dia 24, contra o Resende pela Taça Rio, disputada pelos times que terminarão a primeira fase entre a quinta e oitava colocações.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top