Santos

Marcelo Fernandes comenta chegada de Fernando Diniz: “Daremos total respaldo a ele”

Marcelo
(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O Santos venceu o São Bento, na Vila Belmiro neste domingo (9). O resultado livrou a equipe de um rebaixamento inédito em sua história e tirou um peso das costas do elenco. Amanhã, Fernando Diniz será apresentado no Peixe para tomar o comando da equipe. Marcelo Fernandes disse na coletiva de imprensa que ainda não conversou com o treinador, mas que ele terá todo o respaldo necessário.

“Ainda não conversei com o Fernando Diniz. Conversei com o Araújo, que é auxiliar dele, um grande amigo que eu tenho. E ele e o Diniz nos deixaram muito tranquilos para esta partida. Logicamente amanhã na chegada dele a gente vai sentar, conversar e passar tudo para ele direitinho e passar coisas boas”, disse o treinador

O auxiliar comentou também trabalho de Diniz com os jovens. “É complicado a gente falar de quais pontos. Tem muitos fatores que influenciam em um monte de coisa dentro do campo. Foi uma situação que ninguém esperava, acontecer tudo isso, uma programação feita que infelizmente não deu certo. Foi um período de adaptação. E outra coisa, começamos o Paulista com folga para o pessoal da Libertadores, os dez jogadores titulares. Foi uma programação que fizemos, e que infelizmente, no final, dependemos deste jogo. Não nos classificamos. Mas o Fernando vai encontrar muita coisa boa aqui. Ele é um cara que gosta de trabalhar com a molecada, que já fez grandes trabalhos, principalmente no Audax, Fluminense, outros clubes que ele trabalhou. Vamos passar para ele. Com certeza temos algumas coisas para ajustar. Precisamos também que alguns jogadores cheguem para dar respaldo para os mais jovens, deixar o grupo mais encorpado. Porque colocar um menino quando tem só fera do lado é uma coisa. Colocar dois, três, quatro, cinco realmente é uma maturação até abrupta. Hoje estamos comemorando a ascensão desses meninos. Poderíamos ter fritado muitos deles, com um monte de jogo difícil que tivemos. Mas são grandes jogadores e nada disso aconteceu’, afirmou Marcelo Fernandes.

“Teremos uma conversa amanhã, quem comanda a equipe contra o Boca já é o Fernando, a partir de amanhã já assume. Daremos total respaldo a ele. Nossa intenção é colocar os melhores. É um jogo decisivo, que saiu uma tensão das nossas costas e deu força para o jogo de terça-feira. A chegada do Fernando também dará um up nessa molecada. Vamos com o que temos de melhor para entrar de vez na Libertadores e ganhar do Boca”, completou Marcelo Fernandes.

O Santos volta a jogar nesta terça-feira (11), contra o Boca Juniors, às 19:15, na Vila Belmiro, pela rodada quatro do grupo C da Conmebol Libertadores.

Quer saber mais o Santos, siga o Esporte News Mundo pelo TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top