Tênis

Masters 1000 de Roma: Diego Schwartzman surpreende e elimina Nadal

Reprodução/ATP Tour @atptour

O argentino Diego Schwartzman derrotou o eneacampeão do Aberto de Roma, Rafael Nadal, em 2 horas e 4 minutos de partida realizada na quadra central do Foro Itálico. O 15º do ranking jamais havia derrotado “el Toro” em seus nove encontros anteriores, de forma que a vitória por 2 sets a zero (6/2 e 7/5) na noite deste sábado (19) não só qualifica Schwartzman à sua segunda semifinal de ATP Masters 1000, como enche o argentino de confiança após o mesmo revelar que não vinha se sentindo confortável com seu jogo.

“Foi loucura. Tênis é uma loucura. As últimas três semanas foram muito ruins para mim”, disse o vencedor da noite após a partida. “Eu não estava pensando que o derrotaria porque eu não estava jogando bem ultimamente. Mas hoje eu fiz meu melhor e estou muito feliz”.

Schwartzman fez um primeiro set espetacular, utilizando seu potente backhand para inibir o lendário forehand do espanhol, bem como crescendo nos longos rallies que a partida proveu, voltando o clássico jogo de gato e rato, preferência de Nadal, contra o número dois do mundo. Nadal venceu apenas 48% de seus pontos disputados com o primeiro-saque, destoando da usual consistência que seus serviços tem no saibro. Schwartzman, por outro lado, teve 58% de aproveitamento neste quesito, um dos pontos-chave para a tranquila vitória do argentino na primeira parcial.

O segundo set começou logo com uma quebra a favor do argentino, quando um drop-shot de Nadal parou na rede. Porém essa quebra de serviço seria apenas a primeira numa sucessão de cinco. Schwartzman serviu para o jogo no 5/4, mas foi quebrado de zero pelo espanhol, que procurava ao máximo não cometer erros não-forçados. O número 15 não se desestabilizou, quebrando Nadal na sequência e ganhando outra chance de servir para o jogo, no 6/5. Dessa vez, Schwartzman não desperdiçou, carimbando sua passagem às semis após um drop-volley.

Embora Nadal tenha apresentado um tênis abaixo da crítica, somando 30 erros não-forçados, Schwartzman disparou 31 winners contra o espanhol… no saibro, algo digno de louvor.

Pelas semifinais, Diego Schwartzman enfrentará o canadense Denis Shapovalov.

Siga os perfis do Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top