Internacional

Maurício projeta duelo contra o América-MG e destaca parceria com o ‘ídolo’ Taison no Internacional

Ricardo Duarte/Internacional

Na próxima quarta-feira (13), o Internacional enfrenta o América-MG, pelo Campeonato Brasileiro. Na partida, o colorado pode ingressar no G-6 da competição, e seguir próximo na vaga na fase de grupos da Libertadores. No entanto, terá que superar um Coelho em boa fase e Maurício, meio-campista do time gaúcho, sabe que será difícil conseguir isso.

– É um jogo que vai ser bastante complicado. A equipe do América-MG vem em uma crescente muito boa. Nos últimos 11 jogos eles perderam só um, empataram cinco e ganharam cinco. Vai ser um baita confronto e são três pontos muito importantes para a gente subir na tabela e conquistar nosso objetivo – afirmou Maurício, em entrevista para o “Canal do Inter”.

Esta partida, contra o América-MG, será apenas três dias depois da goleada sobre a Chapecoense. Isso resulta em um período curto de treinamentos mas que, segundo Maurício, foi superado com uma análise do adversário.

– A gente vem se preparando. Já tivemos várias semanas cheias, então conseguimos nos adaptar ao trabalho do professor. Agora com as semana curta temos que viver na base de recuperação, de alimentação, de descanso e, também, de vídeos, que faz parte para a gente conhecer melhor o adversário. E no treino focar em algumas coisas preparatórias para o jogo – detalhou Maurício sobre o dia-a-dia com jogos quarta e domingo.

Para saber tudo sobre o Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Na partida contra o América-MG, Maurício será mais uma vez titular. Com vaga entre os onze desde a convocação de Edenilson, o promissor meio-campista está crescendo de produção, e formando uma boa dupla com Taison. Diante disso, o jovem falou sobre a idolatria pelo camisa 10 e relembrou, também, o contato anterior com D’Alessandro.

– O Taison é um grande amigo e companheiro. Eu que sempre me espelhei na temporada passada no D’Alessandro que estava aqui, sempre foi um ídolo que eu tive. E aqui, agora, tenho o Taison. São dois grandes jogadores e ídolos meus e do clube. Conquistaram títulos e fizeram histórias aqui, que é uma coisa que quero fazer também. Aprendo com ele todos os dias. Ele vem me ajudando dentro de campo, também, me dando dicas e querendo meu melhor – finalizou Maurício, que mais uma vez será titular do Internacional.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top