Automobilismo

Max Verstappen reclama de falta de aderência e diz que tentará lutar contra as Mercedes

(Photo by Joe Portlock/Getty Images)

O holandês Max Verstappen cravou o terceiro melhor tempo no treino classificatório do GP de Portimão, em Portugal, neste domingo, e largará ao lado de Sérgio Perez, seu companheiro de Red Bull. O piloto, entretanto, não gostou muito do desempenho do carro.

+ Valtteri Bottas impede pole 100 de Hamilton e larga na frente no GP de Portugal

— Foi muito difícil pilotar no treino classificatório. Eu estava sofrendo com a falta de aderência. Não é o ideal. Nós tentaremos lutar (contra a Mercedes) na corrida — comentou Max Verstappen logo após o encerramento do treino.

Apesar dos problemas citados por Verstappen, o holandês disse que acredita que o time será competitivo na corrida deste domingo.

— Todo o final de semana foi bem difícil. Está complicado de achar o balanço ideal para o carro. Mas eu acho que fomos competitivos até certo ponto. Vamos ver o quanto conseguimos competir durante toda a corrida e pressioná-los novamente — emendou Verstappen em entrevista para Jenson Button.

Em 2020, Verstappen também largou na terceira posição, mas não conseguiu igualar o ritmo das Mercedes. O holandês subiu ao pódio, mas terminou a corrida mais de 30 segundos atrás de Lewis Hamilton, vencedor da prova.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top