Internacional

‘Me doeu muito’, diz empresário Jorge Machado após acionar o Internacional na FIFA por conta de dívidas

Instagram/Jorge Machado

Em sua conta no Instagram, o empresário Jorge Machado afirmou que “doeu muito” acionar o Internacional na Fifa e que agora tem pena do clube por estar nas mãos do atual CEO, Giovane Zanardo. Além disso, Machado alegou que os mais de 30 anos de parceria com o Colorado não foram respeitados por Zanardo.

O empresário moveu a ação para cobrar comissões não pagas do clube de cinco anos atrás. O valor é confidencial. Segundo o agente, um acordo foi firmado há três anos para que as dívidas fossem quitadas em 47 parcelas, que ainda não foram pagas.

Após recente reunião com Zanardo que não terminou em um acerto de contas, Machado tomou a medida, que, segundo ele, foi em respeito a sua profissão: “a todos os agentes que trabalham seriamente no futebol”. Em seu desabafo, ainda, o empresário garantiu que foram poucas as vezes em que precisou ir à FIFA contra algum clube. O Inter, por sua vez, não fará comentários sobre este assunto ou quaisquer outros pendentes.

Jorge Machado é o empresário de atletas como Marinho e Rafael Sóbis, bem como do técnico Luiz Felipe Scolari. Além dele, o agente André Cury também se reuniu, recentemente, com o CEO do Internacional em busca da quitação de dívidas.

Essas pendências fazem parte da crise financeira que o Inter vive. Na última quarta-feira, foram demitidos 60 funcionários para cortar despesas. Em 2020, o Colorado teve o maior déficit de sua história, chegando a R$ 90 milhões.

Para saber tudo do Internacional, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top