Vasco

Medalhista de ouro, Zeca sonha com vaga nas Olimpíadas e revela desejo de jogar em São Januário com público: ‘Um dia vou ter essa oportunidade’

Zeca sonha em retorno a Seleção

POR GABRIEL GREY, JOEL SILVA E MARCOS PORTUGA

Atual dono da posição na lateral-esquerda do Vasco, Zeca ainda sonha em voltar a vestir a camisa verde-amarela. Afinal, o paranaense de 26 anos já tem uma medalha de ouro no peito, após a conquista dos Jogos Olímpicos de 2016, titular em todas seis partidas, sendo substituído somente uma vez. Em entrevista exclusiva ao Esporte News Mundo, o jogador revelou que acompanha os jogos da Seleção Olímpica e mostrou um certo otimismo com as três vagas para jogadores acima da idade permitida. Em Tóquio, a idade limite será 24 anos por conta do adiamento dos Jogos devido à pandemia. 

– Eu tenho acompanhado, está no grupo da Alemanha. Primeiro jogo contra a Alemanha. Meus primos e amigos mandaram em um grupo nosso, falando da Alemanha. Eu acho que agora está mais tranquilo. Naquela época, (Rio 2016) quando a gente pegou a Alemanha na final, ainda tinha aquela frustração do torcedor com o 7 a 1. Então tinha aquele peso que era a Alemanha, pegou de novo, agora nas Olímpiadas. Ficou esse clima na época, não adianta negar. Acredito que a gente ter ganhado em cima deles, foi uma coisa que era pra matar isso, né? Enfim, agora eles pegam em outra atmosfera. Claro que é o mesmo campeonato, mas são outros atletas. A Alemanha costuma manter bastante a base, do sub-15 ao 22. Os mesmo jogadores que jogaram a final já jogam há muito tempo. Eles mantêm uma base de time, tenho certeza que vai ser difícil, mas o Brasil é o Brasil. Temos várias joias, vários destaques – disse Zeca, antes de recordar e se animar com as três vagas permitidas para atletas acima da idade. 

– Esse ano podem ter três jogadores a mais, né? (Idade superior) Podem ser três a mais. Rapaz, será que eles não podem pensar aqui não, hein? (Risos). Não sei como vai ser, quem vai. Eu vou estar torcendo muito, pode ter certeza. Nosso Brasil sempre que entra em qualquer campeonato entra para ser campeão. Não tem o que falar, no futebol mundial o Brasil é o primeiro no improviso. Os outros podem igualar taticamente, fisicamente. Mas o improviso não adianta. O Brasil vai ter o cara que resolve, eu vou estar torcendo muito para que venha o segundo título – contou o lateral. 

Em junho de 2016, o então técnico da seleção olímpica do Brasil, Rogério Micale, convocou Zeca para disputar os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro. No dia 20 de agosto de 2016, juntamente com a seleção olímpica sagrou-se campeão, com a medalha até então inédita para o Brasil, sendo um dos destaques do elenco. Agora, o jogador deseja manter a boa fase no Cruz-Maltino para sonhar com uma possível vaga na Seleção e buscar o Bi. 

Homem de confiança de Marcelo Cabo no Vasco, Zeca está totalmente adaptado em São Januário e o carinho da torcida foi fundamental para esse bom começo. O camisa 37 contou que a torcida vascaína fez uma verdadeira invasão em suas redes sociais, o fazendo sentir algo que não sentia há muito tempo, e que não vê a hora de poder jogar com a Colina lotada após a pandemia ser controlada. 

– Eu fico muito feliz. Na minha chegada a torcida invadiu o meu Instagram. Há muito tempo eu não sentia isso, desde a época do Santos. A torcida me abraçou e eu fiquei muito feliz mesmo. Pena que a gente não pode ter torcida no estádio. Conversei com atletas que jogaram com o estádio cheio aqui e não tenho nem palavras pra falar. Eu tenho certeza que um dia vou ter essa oportunidade. Não sei se vai demorar a voltar, ou se vai voltar logo. Enfim, espero que volte a tranquilizar essa pandemia. Não é brincadeira. A gente tá vivendo onde as pessoas estão morrendo, isso é uma coisa muito séria. Quando voltar eu vou estar muito feliz, vai estar todo mundo vacinado, andando na rua normalmente. Poder viver uma vida normal, né? A gente não vive normal há muito tempo. Eu estou muito feliz, depois de alguns jogos a torcida começa a mandar mensagem, apoio. Estou muito feliz, de coração, e espero jogar com o estádio lotado – revelou Zeca.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top