Futebol americano

Minnesota Vikings dispensa Kyle Rudolph após 10 temporadas

Kyle Rudolph
(Photo by Abbie Parr/Getty Images)

Antes da oficialização do período da free agency, algumas franquias da NFL vão trabalhando em contratações e dispensas. Nesta terça-feira, 02, os Vikings anunciaram a saída do tight end Kyle Rudolph após 10 temporadas com a equipe. Além da idade, o peso na folha salarial foi crucial para o corte do jogador de 31 anos. A informação foi inicialmente divulgada por Tom Pelissero e Ian Rapoport, da NFL Network, e depois foi confirmada por Minnesota.

“Obrigado, Minnesota !! Embora meu tempo como Viking tenha chegado ao fim, meu tempo como MINNESOTAN está apenas começando!”, disse o jogador.

Kyle Rudolph estava nos Dolphins desde 2011 quando foi selecionado na segunda rodada do Draft. Desde então, o tight end foi um dos principais nomes do ataque ao fazer grandes parcerias com o quarterback Kirk Cousins, e os recebedores Adam Thielen e Stefon Diggs. Em 2020, o jogador não conseguiu ser tão eficiente principalmente por lesões e um ano baixo de produtividade da equipe.

Rudolph tinha contrato com os Vikings até 2023 e salvará oito milhões de dólares em 2021 além de cinco milhões no salary cap. Acima do valor que deve ser o teto da temporada, Minnesota terá que cortar mais jogadores para se adaptar ao que a NFL exigirá. Com escolhas boas no Draft, a equipe poderá se reforçar com jovens que saíram do College Football.

Em 2020, Kyle Rudolph atuou em 12 jogos com apenas um touchdown (Photo by Stephen Maturen/Getty Images)

Durante 10 anos, Kyle Rudolph somou 140 jogos com 453 recepções e 48 touchdowns. Livre no mercado, o tight end pode ser uma boa opção para qualquer franquia que tem a necessidade de contratar um jogador experiente e que ainda pode jogar por mais alguns anos.

VAN NOY DISPENSADO

Além de Rudolph, outro jogador importante foi dispensado. No Miami Dolphins, Kyle Van Noy não faz mais parte dos planos da equipe e será cortado da equipe. Depois da troca milionária saindo dos Patriots para a franquia, o jogador deixará um contrato com pelo menos 30 milhões de dólares garantidos para o linebacker. A expectativa é que o time de Brian Flores libere 9.7 milhões de dólares no teto salarial. Em um ano, o camisa 53 atuou em 14 jogos com seis passes defendidos, dois fumbles recuperados e 69 tackles.

— Estou surpreso e decepcionado com a decisão deles. Como capitão, dei tudo de mim para a equipe. Lutei contra uma lesão dolorosa durante a temporada, incluindo passar uma noite no hospital depois de um jogo. Fui levado lá para ser um líder e sei que meus companheiros me respeitaram e me admiraram. Estou ansioso para causar um impacto na minha próxima equipe, dentro e fora do campo – afirmou Van Noy para Mike Garafolo.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top