Chapecoense

Moisés Ribeiro desabafa sobre situação da Chapecoense:’É vergonhoso’

Márcio Cunha/Chapecoense

Nessa manhã de domingo (10) a Chapecoense foi goleada pelo Internacional por 5 a 2. Ainda no intervalo, o volante Moisés Ribeiro deu uma entrevista impactante sobre a situação atual do time catarinense. O atleta foi muito direto nas cobranças ao elenco pela falta de resultados do clube no Brasileirão.

A declaração de Moisés Ribeiro ocorreu ainda no intervalo. Claramente impactado pelos 4 a 0 que a Chapecoense estava levando, o jogador desabafou para os microfones do canal “Premiere”,

-Difícil, muito difícil. Eu vou desabafar. Eu estou neste clube há muito tempo. Quem veste essa camisa tem que se entregar mais, se doar mais. É vergonhoso o que estamos passando. Temos que correr por aqueles que lutaram para colocar a Chapecoense na Série A. Aqueles que perderam a vida, meus amigos. Eu tenho que me doar mais. É pouco para a Chapecoense. Peço desculpas a quem está assistindo, mas é um desabafo – disse o volante Moisés Ribeiro.

Para saber tudo da Chapecoense, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube

Na Chapecoense desde 2016, Moisés Ribeiro disse que a cobrança não foi direcionada a nenhum jogador específico e sim para todo o elenco da Chape. Volante, ele também deu a entender que os problemas do Verdão do Oeste não estão somente dentro das quatro linhas.

-Não é um colega, é o conjunto. Todos. Não tem especificamente alguém. Todos no clube tem culpa, não eu, algum colega meu. Pedir desculpa a quem ama esse escudo aqui, é vergonhoso – finalizou Moisés Ribeiro, ainda no intervalo da partida.

Depois do intervalo, inclusive, a Chapecoense mudou de postura. Tendo sido influenciada, ou não, pelo discurso de Moisés Ribeiro, o time catarinense reagiu e até conseguiu marcar dois gols. No entanto, não foi o suficiente para evitar a derrota por 5 a 2.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top