Futebol americano

NFL responde manifestação de jogadores negros da liga: “Vidas negras importam”

Comissário da liga, Roger Goddell demonstrou apoio aos atletas (Créditos: Divulgação/Pro Football Hall of Fame)
Comissário da liga, Roger Goddell demonstrou apoio aos atletas (Créditos: Divulgação/Pro Football Hall of Fame)

Um dia após jogadores negros cobrarem um combate maior da NFL em relação ao racismo e mais apoio da organização, a liga resolveu se pronunciar na noite desta sexta-feira (5).

Em vídeo divulgado nas redes sociais, acompanhado de um texto, Roger Goddell, comissário da NFL, admitiu que a liga errou anteriormente em não ouvir mais os jogadores e também manifestou apoio aos protestos.

“Está sendo um período difícil no nosso país. Em particular, aos negros dos Estados Unidos. Antes de tudo, meus sentimentos às famílias de George Floyd, Breonna Taylor, Ahmaud Arbery e todos os familiares que sofreram brutalidade policial. Nós, a NFL, condenamos o racismo e a sistemática opressão aos negros. Nós, a NFL, admitimos que estávamos errados em não escutar nossos jogadores e encorajá-los a se manifestarem pacificamente. Nós, a NFL, acreditamos que vidas negras importam”, iniciou Goddell.

“Eu, pessoalmente, protesto com vocês e quero fazer parte da tão necessária mudança neste país. Sem jogadores negros, não haveria a NFL. E os protestos ao redor dos Estados Unidos são emblemáticos de séculos de silêncio, desigualdade e opressão de jogadores negros, treinadores, torcedores e funcionários. Nós estamos ouvindo. Eu estou ouvindo. Estarei procurando os jogadores que levantaram suas vozes e outros também, para saber como podemos melhorar e seguir em frente para uma família NFL mais unida e melhor”, finalizou.

Pouco tempo após a publicação do vídeo, alguns jogadores da liga repercutiram as palavras de Roger Goddell. Tyran Mathieu, safety do Kansas City Chiefs, e Michael Thomas, wide receiver do New Orleans Saints, foram alguns deles.

“Muito bem falado, Roger”, disse Michael Thomas.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: NFL anuncia doação de 250 milhões de dólares para ajudar no combate ao racismo

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top