Athletico

Nikão e mais dois titulares do Athletico estão pendurados na final da Copa do Brasil

Foto: José Tramontin/Athletico

Neste domingo (12), o Atlético-MG recebe o Athletico, no Mineirão, às 17h30, na primeira partida da final da Copa do Brasil. O Furacão na partida terá três titulares que estão pendurados por cartão amarelo e podem ficar fora da grande final. Nikão, Erick e Thiago Heleno, se forem advertidos, podem perder a partida de volta, na Arena da Baixada, em Curitiba, na próxima quarta-feira (15), às 21h30. 

+ STJD aplica punição após briga da torcida em partida entre Athletico e Atlético-MG

Os três jogadores são peças fundamentais da equipe do Athletico. Nikão é o líder em participações em gols, atuou em 50 partidas, sendo oito da Copa do Brasil e na temporada tem 11 gols e 12 assistências. Erick ganhou posição de titular durante a temporada, atuando em 42 jogos e sendo peça fundamental do time de Alberto Valentim. Já o zagueiro Thiago Heleno também entrou em campo 50 vezes, sendo titular nos oito jogos da Copa do Brasil, assim como Nikão.

Para saber tudo sobre o Athletico, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

As duas equipes já conquistaram títulos recentes na temporada de 2021. O Atlético-MG, após 50 anos, voltou a conquistar o Campeonato Brasileiro. Já o Athletico se tornou bicampeão da Copa Sul-Americana. Os dois estarão na próxima Copa Libertadores e disputam o bicampeonato da Copa do Brasil. 

Com R$ 38 milhões garantidos em premiação, o Athletico, se vencer a competição, atinge cerca de R$ 70 milhões em recompensa pela Copa do Brasil. Para a primeira partida da final, o Furacão tem apenas uma dúvida no ataque, se Renato Kayzer inicia jogando ou no banco de reservas. Um provável Athletico deve ter: Santos; Pedro Henrique, Thiago Heleno e Nico Hernández; Marcinho, Erick, Léo Cittadini e Abner; David Terans, Nikão e Renato Kayzer (Pedro Rocha).

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top