Futebol Internacional

Novo dono do Chelsea promete alto investimento para a próxima temporada, diz jornal

Foto: Divulgação / Chelsea

Depois das sanções que foram impostas sobre Roman Abramovich, antigo dono do Chelsea, o clube inglês já está passando por um novo momento. Após a confirmação da compra por parte do empresário Todd Boehly, a expectativa é de um alto investimento na formação do elenco para a próxima temporada. De acordo com o jornal inglês “Daily Mail”, as negociações começarão a evoluir assim que a compra do clube for oficializada.

O Chelsea viveu alguns meses de indefinição sobre o futuro já que todas as operações financeiras de Roman Abramovich foram bloqueadas. Isso atingiu diretamente o clube no sentido de renovação de contratos, o que acabou gerando na iminente saída do zagueiro almeão Antonio Rudiger, a caminho do Real Madrid. Para não perder mais jogadores, o novo grupo gestor quer começar logo o investimento.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

O planejamento do Chelsea visando a próxima temporada acabou ficando atrasado pelas dificuldades financeiras. Assim, existe um temor de que isso possa atrapalhar o rendimento da equipe num geral para a próxima temporada. Será fundamental que o grupo de Todd Boehly consiga investir de maneira rápida e precisa em breve. O objetivo é tentar acelerar o processo de reformulação sem atrapalhar os objetivos que já foram traçados para o próximo ano esportivo.

As primeiras ações do “investimento pesado” de Boehly devem ser no sentido da renovação de contrato de alguns jogadores importantes. Com Rudiger e Christensen já na porta de saída, o Chelsea deve conversar com Azpilicueta para acertar aquela que deve ser a primeira renovação do novo grupo gestor. Assim que essas questões forem resolvidas, o clube deve começar a pensar em reforços.

O futuro de Lukaku também está em pauta, já que o atacante não conseguiu reproduzir na Inglaterra aquilo que mostrou a serviço da Inter de Milão, na temporada passada. O jogador, inclusive, já demonstrou o seu interesse em sair do Chelsea e retornar ao futebol italiano. A situação de Lukaku é mais uma questão que precisará ser resolvida de maneira imediata pelo grupo de Todd Boehly.

Vale lembrar que Roman Abramovich, antigo dono do clube, sofreu sanções do governo do Reino Unido por uma possível ligação com o presidente russo Vladimir Putin. Abramovich é acusado de ser um dos oligarcas que deram base ao governo na Rússia. Em fevereiro, Putin iniciou uma guerra contra a Ucrânia que ainda está em andamento.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top