Athletico

Atuações ENM: Athletico empata depois de arbitragem polêmica

Divulgação/Instagram/Pedro Henrique

O Athletico visitou o São Paulo dentro do Morumbi nessa quarta-feira (24), às 21h30, pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O Furacão empatou em 0x0 em uma partida difícil e violenta, que houve polêmicas devido a arbitragem que oscilou e até prejudicou o rubro-negro. 

O primeiro tempo foi de domínio total do São Paulo até os 10 minutos, quando o jogo teve uma revolta dos jogadores athleticanos pela não expulsão do lateral Reinaldo, após entrada violenta e de sola no tornozelo de Renato Kayzer, que resultou minutos depois em sua substituição. A falta resultou em cartão amarelo para o defensor, e deixou o jogo parado por tempo suficiente para esfriar o jogo que era de pressão total do Tricolor Paulista. 

Porém, a primeira etapa não deixou de ser do São Paulo, pois se impôs muito dentro de seu campo de ataque, e jogou com muita intensidade física, que foi se perdendo ao longo do tempo com a defesa do Furacão sabendo anular todas as tentativas do Tricolor Paulista. 

Para saber tudo do Athletico, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube!    

Já no segundo tempo, com muitas substituições precoces para ambos os lados, o jogo apesar de se tornar equilibrado, passou a ser de muito contato físico e com muitas faltas. O famoso “jogo pegado” pode ser descrito como uma partida violenta entre São Paulo e Athletico, que foi reflexo do erro da não aplicação do cartão vermelho no primeiro tempo, que fez Leandro Pedro Voadem compensar o erro, cometendo seguidos erros de arbitragem a favor do Furacão. 

DESTAQUES:    

Pedro Henrique: Destaque defensivo na partida, ganhou quase todas as disputas e divididas em que entrou, grande acerto de passes, nenhum erro individual comprometedor, e impecável em seu posicionamento. 

Santos: Vem demonstrando a muito tempo que pode servir a seleção brasileira a qualquer momento, e contra o São Paulo não foi diferente. Seguro, frio e decisivo quando acionado. 

Notas:    

Santos – 7,5 

Nico Hernández – 6,5 

Thiago Heleno – 6,0  

Pedro Henrique – 7,5 

Marcinho – 6,5 

Erick – 6,5 

Leo Cittadini – 6,0 

Abner – 6,0 

David Terans – 6,0  

Renato Kayzer – 6,5 

Nikão – 6,5 

RESERVAS:    

Pedro Rocha – 6,0  

Christian – 6,5 

Zé Ivaldo – 5,5 

Nicolas – 6,0 

Bissoli – 6,0 

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top