Flamengo

Organizadas do Flamengo se reúnem com Marcos Braz na Gávea

(Foto: Reprodução)

A eliminação para o São Paulo na Copa do Brasil, com um placar agregado de 5 a 1, enervou ainda mais o clima na Gávea. Na manhã desta sexta-feira (20), véspera do confronto contra o Coritiba pelo Brasileirão, membros de torcidas organizadas do Flamengo se reuniram com Marcos Braz, vice de futebol, e Bruno Spindel, diretor executivo, na sede do clube, para cobrar atitude diante do péssimo momento.

Uma foto divulgada por André Luis Valladas, conselheiro e ex-presidente da Jovem Fla, mostra que a reunião ocorreu de forma pacífica, com os membros sentados em cadeiras de frente para mesa principal – onde estavam os dirigentes.

Na segunda-feira (19), a Raça Rubro-Negra utilizou suas redes sociais para divulgar uma carta aberta aos jogadores, diretoria e comissão técnica. Em um trecho, a torcida afirma: “Doa a quem doer, esse time vai jogar”. Na sequência, a organizada deixa claro que a ”paciência acabou” e que comportamentos ”incompatíveis com o DNA” não serão mais aceitos.

CONFIRA:

Chegou a hora de acordar, custe o que custar. Quem não pode sangrar é o Clube de Regatas do Flamengo. Como prometido, o apoio foi incondicional. A partir de agora, doa a quem doer, esse time vai jogar. Se ainda não entenderam, faremos entender. Se você quer vestir o MANTO, tenha disposição, é para quem quer. Se não quer, abraço. A paciência do torcedor rubro-negro esgotou e não vamos mais aceitar um comportamento incompatível com nosso DNA e que desonre nosso clube. Para bom entendedor, meia palavra basta”.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top