Tênis

Osaka se vinga de norte-americana e chega à semifinal de Grand Slam

Publicação/Twitter US Open
— Continua depois da publicidade —

Pela primeira vez, a tenista japonesa Naomi Osaka conseguiu derrotar a norte-americana Shelby Rogers. Por 2 sets a 0, a #9 do ranking e uma das grandes favoritas ao título venceu a disputa das quartas de final do US Open. A partida, primeira da sessão noturna desta terça-feira (8), ocorreu no Arthur Ashe Stadium, em Nova Iorque, nos Estados Unidos. 

As tenistas já se encontraram três vezes e, em todas as ocasiões, Osaka não havia conseguido a vitória. Rogers, atual número 93 do ranking da Women’s Tennis Association (WTA), sofreu com a firmeza do saque e das grandes devoluções da japonesa. 

Naomi aproveitou a chance da primeira quebra de serviço do jogo e abriu vantagem em cima da #93. Com a dupla falta da campeã do Aberto dos Estados Unidos de 2018, a norte-americana devolveu a quebra e tentou igualar o confronto.

O segundo set foi mais equilibrado com ótimos serviços de Shelby, mas não foi o suficiente para parar a jovem de apenas 22 anos. Rogers tentou variar, subiu à rede algumas vezes e, ainda assim, não superou a ex-número 1 do mundo (6/3 – 6/4).

Naomi Osaka disputará vaga na final do Grand Slam nova-iorquino contra a também norte-americana Jennifer Brady, provavelmente na próxima quinta-feira (10), em horário a definir.

Na quarta-feira (9), a outra semifinal será definida através dos jogos de Serena Williams/Tsvetana Pironkova e Victoria Azarenka/Elise Mertens.

Siga os perfis do Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

Ao topo