São Paulo

Pablo revela conversa com Diniz, relembra bom momento e opina sobre volta do futebol brasileiro

Foto: Reprodução/São Paulo FC

Na última sexta-feira (19), o atacante Pablo participou do podcast Hoje Sim, de Cléber Machado. Um dos assuntos comentados pelo jogador, foi em relação aos treinos na pandemia. O São Paulo optou por treinamentos virtuais, entretanto preferiu não conectar todos seus jogadores ao mesmo tempo, e sim enviar um cronograma semanal aos atletas. Ligações de Fernando Diniz também tornaram-se presentes durante esse período.

“Para mim, ele (Diniz) já ligou várias vezes. Com certeza, ele está ligando para outros jogadores. Só que a gente sabe que conversar parte tática é impossível. Não tem como você pegar e ligar para todos os jogadores. Não tem como manter a concentração de todos os jogadores, de 30 jogadores, por exemplo” comentou Pablo.

Respeitando a quarentena no Paraná, o camisa 9 contou com detalhes um trecho da conversa que teve com o técnico

” Ele (Diniz) até brincou comigo esses dias e falou: ‘Pablo, nesse tempo eu estou assistindo tantos dos nossos jogos. Assisto e assisto de novo e de novo. Vou vendo os jogos e a gente tem tanta coisa para melhorar, para evoluir. Já tenho um montão de informação para passar para vocês’. E eu conhecendo ele desde a época de Athletico, tenho certeza que ele vai ter muita informação para a gente, que a gente pode melhorar, evoluir”

Antes da paralisação, Pablo começava a viver um bom momento com o time. Marcando um dos últimos gols antes da paralisação, o atleta comentou sobre essa fase

“Era um momento que eu estava buscando algum tempo dentro do clube neste ano. Fiz um gol no jogo contra o Água Santa no Campeonato Paulista, depois fiquei um tempo sem fazer gols e isso ia me incomodando muito, tava atrapalhando o andar do meu ano. Neste jogo contra o Santos tive a felicidade de fazer os dois gols que nos deram a vitória. Infelizmente tivemos essa parada, mas quando voltar é estar o mais preparado possível para voltar a fazer gols, ter um nível físico bom, que é o que esperam da gente.”

Na última semana, o governador de São Paulo, João Dória, autorizou que os clubes paulistas voltem aos treinamentos a partir de 01 de julho. Entretanto, pelo Brasil, outros Campeonatos Estaduais voltaram ou já estão com datas marcadas para retornar, um exemplo é o Campeonato Carioca. Durante o bate-papo, o atacante opinou sobre esse retorno do futebol brasileiro.

“Quando tem uma volta, isso envolve sua família, pois você vai treinar e voltar para casa, então você tem medo. Eu conversei com muitas pessoas do clube (São Paulo) sobre todas as medidas que vão tomar, como irá funcionar. É obvio que será da maneira mais segura possível e eu tenho certeza que o São Paulo tomará todas as precauções possíveis.” E seguiu

“Em relação a jogos, vou dar minha opinião pessoal. Na Europa eles tiveram aquele pico e eles vivem outro momento, diferente do nosso. Se aqui vai voltar o futebol, deveria ser porque é o momento certo e não porque a Europa voltou, essa é minha opinião pessoal. Eu vou fazer o que o clube me pedir, o que o clube ordenar eu farei, mas eu acredito que aqui no Brasil não podemos cair nessa pegadinha de que se a Europa voltou e foi um sucesso, que aqui também é o momento” definiu Pablo.

O São Paulo iniciou a testagem de COVID-19 em seus atletas na última quinta-feira (18), com o intuito de que caso algum atleta seja diagnosticado com o vírus, já inicie a quarentena obrigatória e possa se reunir com o elenco assim que os treinamentos voltarem no início de julho.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top