Mercado da bola

Palmeiras irá à Fifa tentar inscrever Dudu e mais dois antes de abertura da janela; Confira detalhes

Palmeiras Dudu
Foto: Cesar Greco/Palmeiras

O Palmeiras decidiu irá até a Fifa para tentar poder utilizar os jogadores que retornam a partir desta quinta-feira (1º) de empréstimo: os atacantes Dudu, Borja e o zagueiro Pedrão. À exceção de Borja, que está na disputa da Copa América pela Colômbia, os outros dois poderão voltar a treinar no clube a partir desta quinta-feira, porém, a utilização deles, neste momento, não é permitida.

Segundo o GE.globo, o argumento do Alviverde para a antecipação é de que as janelas de transferências tiveram as datas modificadas por conta da pandemia. Porém, como a situação é nova e não tem precedentes, a diretoria considera delicada e a liberação não muito provável.

Dudu retornará de empréstimo junto ao Al Duhail (CAT), por onde ficou desde julho de 2020. O clube não acionou a cláusula de opção de compra do atleta, e, portanto, ele volta a ser jogador do Verdão. Até esta quarta-feira (30), o “baixola” está de férias.

Leia também:

+Fora do Barcelona, volante pode voltar ao Palmeiras; entenda a situação

Já Pedrão, acabou vivendo uma reviravolta. Em 9 de junho, o Nacional (POR) comunicou, através do Twitter, que exerceria a opção de compra para poder continuar com o atleta, que estava emprestado. Porém, a transferência acabou não se concretizando e, com aval do técnico Abel Ferreira, ele será reintegrado ao elenco. Inclusive, o zagueiro já está no Brasil.

Borja estava emprestado ao Junior Barranquilla (COL), que até agora não sinalizou que exercerá a opção de compra por ele. O contrato termina na data desta quarta-feira (30). Portanto, ele, assim como Pedrão e Dudu, já estarão aptos a treinar na Academia de Futebol, porém não podem ser inscritos em competições até o dia 1º de agosto, data de abertura da janela de transferências internacional. Dudu e Pedrão, inclusive, já devem se reapresentar nesta quinta-feira.

Para saber tudo sobre o Palmeiras, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Caso o Palmeiras não consiga reverter a situação perante à Fifa, os jogadores citados perderiam 6 rodadas do Brasileirão, além dos jogos de ida e volta das oitavas de final da Libertadores da América, contra o Universidad Católica (CHI).

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top