Palmeiras

Palmeiras volta à final da Copa do Brasil após 5 anos; Relembre a campanha do título de 2015

Fernando Prass - Palmeiras
Foto: Divulgação/Palmeiras/Cesar Greco

Na última quarta feira (30) o Palmeiras bateu o América-MG por 2×0 (3×1 no placar agregado) e se classificou para a final da Copa do Brasil. Com gols de Luiz Adriano e Rony, o Verdão vai para a quinta final de Copa do Brasil da sua história, em busca do quarto título. A última vez que o Palestra chegou à decisão do torneio foi em 2015, quando foi campeão derrotando o Santos.

CAMINHO ATÉ A FINAL

Na ocasião, o Palmeiras fez a rota longa do torneio e começou sua jornada na fase inicial. Por regra da CBF, os times que disputam a Libertadores estreiam nas oitavas de final da Copa do Brasil, todavia, o Verdão não se classificou para o torneio continental em 2014 e precisou jogar a Copa do Brasil desde a primeira fase.

Na primeira fase, o Verdão bateu o Vitória da Conquista-BA, em seguida enfrentou o Sampaio Corrêa-MA. Na terceira fase, passou pelo ASA de Alagoas e se classificou para as oitavas de final. Comandados por Marcelo Oliveira, o Palmeiras passou sem muitas dificuldades do Cruzeiro nas oitavas de final. Nas quartas, o adversário foi o Internacional. Com um empate no primeiro jogo e uma vitória por 3-2 no segundo, o Palestra avançou para a semifinal, na qual enfrentou o Fluminense.

A semifinal serviu como um presságio para a final. O Tricolor das Laranjeiras, jogando em casa, venceu o jogo de ida por 2×1. Jogando no Allianz Parque, o Palmeiras conseguiu bater o Fluminense pelo mesmo placar, levando a decisão para os pênaltis. Sem muitas emoções nas cobranças, o Verdão foi para a final.

SE O PRASS FIZER…

O adversário da vez era o Santos, comandado por Dorival Junior, com Lucas Lima esbanjando qualidade e Ricardo Oliveira vivendo grande fase artilheira. No jogo de ida, o Peixe venceu por 1×0. Na volta, perante um Allianz Parque lotado, o Dudu brilhou e marcou 2 gols, mas Ricardo Oliveira também deixou o dele, levando a decisão para os pênaltis.

Nos pênaltis nasceu um ídolo da torcida palmeirense. Seguro durante toda a temporada, Fernando Prass assumiu a responsabilidade na decisão por pênaltis. Após defender a cobrança de Gustavo Henrique, o goleiro cobrou o quinto e último pênalti do Palmeiras ‘com o coração na ponta da chuteira’. Em um chute indefensável, Prass marcou e consagrou o Palmeiras campeão da Copa do Brasil de 2015.

O time que foi a campo na decisão foi: Fernando Prass; João Pedro (Lucas Taylor), Vitor Hugo, Jackson e Zé Roberto; Matheus Sales, Arouca e Robinho; Gabriel Jesus (Rafael Marques), Lucas Barrios (Cristaldo) e Dudu. Entre parênteses estão os jogadores que saíram do banco de reservas.

ADVERSÁRIO EM 2021 É O GRÊMIO

A final contra o Grêmio será nos dias 3 e 10 de fevereiro de 2021 e o mando de campo será definido por sorteio. Para saber tudo sobre o Palmeiras, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top