e-Sports

PGL Major Antwerp 2022: Imperial vence e sobrevive no mundial

Divulgação / PGL

Em uma partida tensa, a Imperial Esports vira o jogo e vence mais uma no PGL Major Antwerp 2022 de CS:GO e segue viva no campeonato. Brasileiros largam atrás na série, mas buscam virada em três mapas.

A IHC se mostrou um adversário mais complicado do que o esperado e assustou os brasileiros na partida. No entanto, a Imperial conquistou a vitória de virada por 2 a 1. As parciais foram de 11–16, na Mirage, 16–10, na Overpass, e 16–12, na Inferno.

A Imperial, após a vitória, volta ao campo de batalha amanhã (12) para a última rodada da Challengers Stage, em mais um confronto de vida ou morte. Após a derrota, o jogadores da IHC foram eliminados do torneio.

O compromisso de amanhã vale vaga na Legends Stage. O adversário e o horário do confronto vão ser definidos com o término da rodada desta quarta-feira. Você pode acompanhar os jogos nos canais oficiais da PGL na Twitch e no YouTube, e também nos canais de streamers como Alexandre “Gaules” Borba e Jean “mch” Michel D’Oliveira na Twitch.

Para saber mais sobre Counter-Strike e e-sports, siga o Esporte News Mundo pelo TwitterFacebook Instagram.

MIRAGE

A partida começou na Mirage, mapa de escolha da IHC. Jogando do lado terrorista, os mongóis começaram com derrota, mas souberam aproveitar os erros dos brasileiros. A Imperial abriu uma boa vantagem no placar na primeira metade, mas sofreu seis pontos seguidos e viu a IHC fechando o lado em um 8 a 7.

Com a inversão de lados, a Imperial não conseguiu manter a mesma qualidade no lado atacante. A equipe dependeu de jogadas individuais para conquistar seus pontos. Os torcedores viram FalleN e fer vencerem clutches e, mesmo assim, não ser suficiente para conquistar a vitória nesse primeiro mapa. A IHC finalizou em 16 a 11.

OVERPASS

Na Overpass, mapa de escolha da Imperial, os brasileiros precisavam mostrar serviço. Os imperadores abriram uma boa vantagem logo no início, mas logo viram a IHC encostando no placar. Na reta final dessa primeira metade, a equipe brasileira conseguiu diminuir a desvantagem e foram para a virada de lados com um 8 a 7 no placar para a IHC.

Com a inversão de lados, a IHC não conseguiu manter a superioridade e o jogo foi equilibrando. Em uma manhã inspirada de Ricardo ‘boltz’ Prass, ele conseguiu dar a superioridade que a Imperial tanto precisava para vencer esse segundo mapa.

+ CSGO deixa referências sobre a guerra na Ucrânia

+ Imperial e MIBR conquistam a primeira vitória no mundial

INFERNO

No último e decisivo mapa, a Imperial chegou precisando da vencer a todos os custos para se manter viva no PGL Major Antwerp. A Inferno começou muito equilibrada, com trocas de rounds até chegar no 4 a 4, mas logo a equipe brasileira encaixou a defesa em ambos os bombsites e contou com uma grande atuação de FalleN para deslanchar e finalizar a primeira metade com uma vantagem de 10 a 5 no placar.

Após a virada de lados, a IHC acordou para o jogo. A vantagem, que antes era de cinco rounds, diminuiu para apenas um. Os brasileiros da Imperial conseguiram ser superiores nos momentos de pressão da equipe adversária, mas conseguiram sair vitoriosos por 16 a 12.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top