Futebol Internacional

Pogba se aproxima de acerto com o PSG, diz jornal

FOTO: DIVULGAÇÃO / MANCHESTER UNITED

O meia francês Paul Pogba está muito próximo de deixar o Manchester United depois de seis temporadas defendendo o clube inglês, de acordo com informações divulgadas pelo jornal espanhol “As”, nesta quarta-feira (21). Sem renovar com a equipe e tendo contrato até 2022, o jogador deve rumar ao Paris Saint-Germain, que aguarda o momento certo para fazer uma proposta oficial pelo jogador de 28 anos.

Milo Raiola, agente do jogador francês, já esteve em Paris nas últimas semanas para ouvir propostas do PSG, que acredita que deverá chegar a um valor de cerca de 50 milhões de euros (R$ 307 milhões na cotação atual) para convencer o jogador a trocar a Inglaterra pela França. As informações sobre o provável valor de Pogba foram divulgadas pelo jornal francês L’Equipe.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

A decisão no momento está nas mãos dos dirigentes do Manchester United, que ainda buscam a renovação do atleta, sabendo que possuem um prazo para concluir o acerto sob o risco de perder o francês sem qualquer custos muito em breve. Assim, uma saída neste momento, com a possibilidade de recuperar parte do investimento que foi feito para tirar o jogador da Juventus na temporada 2015/16, também está nos planos.

Apesar de estar muito identificado e adaptado ao Manchester United, Pogba vê de maneira positiva a possibilidade de atuar pelo PSG. Mesmo que tenha nascido na França, o jogador jamais defendeu um time do seu país no futebol profissional, tendo atuado apenas por Manchester United e Juventus na carreira. Além disso, o PSG é um dos poucos clubes do mundo que possuem condições financeiras de bancar o salário do atleta.

A imprensa europeia especula ainda que o Real Madrid pode entrar na briga por Pogba, embora o PSG esteja em vantagem. A disputa pelo jogador terá sequência nas próximas semanas, com o Manchester United fazendo um esforço para manter o atleta em seu elenco.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top