Campeonato Brasileiro - Série B

Ponte Preta define empréstimo de Papa Faye ao São Bento para Série D

Ponte Preta define empréstimo de Papa Faye ao São Bento para Série D

Sem espaço com Gilson Kleina, Papa Faye tem empréstimo definido pela diretoria executiva da Ponte Preta ao São Bento.

Com três jogos disputados nesta temporada, meio-campista foi repassado pela Macaca ao Bentão até o fim da Série D do Campeonato Brasileiro.

+ Tiãozinho cita relação com torcida da Ponte Preta: ‘Aberta e democrática’

Senegalês esteve em campo nos duelos diante de Corinthians, Gama e Botafogo-SP, todos longe do Estádio Moisés Lucarelli, e totalizou 29 minutos em ação.

Ele desembarcou em Sorocaba no início desta semana para realização de exames médicos e assinatura de contrato.

O ex-camisa 27 esteve alguns dias em solo africano para renovar o passaporte e, de quebra, aproveitou para conhecer a filha Mama Fatou, nascida em janeiro de 2020.

Até então, os contatos só foram registrados por chamadas de vídeo, haja vista estar no Brasil há quase dois anos.

Papa é uma indicação direta do treinador Paulo Roberto Santos para participar da quarta divisão nacional.

A decisão pelo empréstimo é por ganhar maior quilometragem na carreira e minutagem em campo neste segundo semestre, sobretudo por ter pouquíssima brecha no Majestoso.

O São Bento será responsável pelo pagamento integral do salário de Faye, cujo acordo com time campineiro é válido até 30 de maio de 2022.

A Ponte Preta tem 85% dos direitos econômicos do atleta e multa rescisória definida em dois milhões de dólares – em torno de R$ 10,2 milhões.

Meia de 24 anos acertou renovação do vínculo entre o fim de março e o início de abril.

Antes de decidir pela permanência no Moisés Lucarelli, recebeu sondagens de dois clubes do Brasil – Água Santa e Criciúma – e do Zaragoza, da segunda divisão do Campeonato Espanhol.

Papa totaliza sete participações no elenco principal da Macaca, ainda sem contribuir com gol ou assistência.

No fim do ano passado, africano integrou o plantel Sub-20 e disputou a Copa Paulista sob comando de Sandro Forner – atuou em seis dos oito jogos na competição.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top