Ceará

Por falta de pagamento, Ceará deverá ir à FIFA por calote do Cerro Porteño na compra de Mateus Gonçalves

Divulgação: Ceará S.C

Ao que tudo indica, nos próximos dias, o Ceará vai acionar o Cerro Porteño-PAR junto à FIFA. O motivo? O calote que o clube paraguaio está dando no alvinegro cearense. Isso porque, o clube de Assunção pagou somente a primeira, das três parcelas de 100 mil dólares, pela aquisição do atacante Mateus Gonçalves, em janeiro deste ano.

LEIA MAIS | Atuações ENM: Falhas defensivas e ineficiência no ataque resultam em derrota do Ceará na estreia de Tiago Nunes; veja as notas

No dia 31 de julho, venceu a segunda parcela da cobrança, que seria no valor de 200 mil dólares. Com esse atraso, tudo está virando uma bola de neve, já que, a terceira parcela vence final deste mês, exatamente no dia 30 de setembro – essa no valor de 120 mil dólares.

Para saber tudo sobre o Campeonato Brasileiro, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Mateus Gonçalves esteve no Ceará desde 2019, quando chegou por empréstimo do Zacatepec-MEX, a diretoria viu o jogador com bons olhos e adquiriu 40% dos direitos econômicos do atleta. E, como já dito, o atleta foi defender as cores do clube paraguaio em janeiro. Agora resta saber como vai ser o desfecho dessa história.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top