Futebol

Prefeitura de Campinas proíbe circulação de torcida nas adjacências dos estádios

Campinas proíbe circulação de torcida nas adjacências dos estádios | Crédito: Álvaro Júnior / AA Ponte Preta
— Continua depois da publicidade —

Para evitar aglomeração em meio à pandemia, a Prefeitura Municipal de Campinas proíbe circulação de torcedores nas adjacências do Moisés Lucarelli e do Brinco de Ouro da Princesa antes, durante e após o Dérbi 197.

O clássico será disputado com portões fechados, pela segunda vez nesta temporada, em decorrência da Covid-19.

LEIA MAIS: Oito gols em quatro jogos: Ponte Preta tem a segunda pior defesa da Série B

O anúncio foi feito pelo prefeito Jonas Donizette, nesta segunda-feira, em transmissão ao vivo nas redes sociais.

O político assinou um decreto para vetar a movimentação de bugrinos e pontepretanos em um raio de 300 metros em relação aos respectivos estádios.

Ambulantes, instalação de telões e montagem de caixas e tendam também estão impedidos pelo poder público.

Vale pontuar que o torcedor que for na contramão das determinações de Jonas estará sujeito a multa, incluindo bares e outros estabelecimentos comerciais.

VEJA MAIS: Com Catalá, Renanzinho alcança maior série entre os profissionais do Guarani

A Guarda Municipal de Campinas e a Setec (Serviços Técnicos Gerais) são os órgãos responsáveis pela fiscalização na região dos estádios ao longo desta terça-feira.

TABELA

Embora pressionados, Ponte Preta e Guarani vivem situações opostas na classificação da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com duas derrotas consecutivas e sem João Brigatti, Macaca ocupa o quinto lugar com 21 pontos, ao passo que o Bugre amarga a vice-lanterna com 11, em 13 rodadas.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top