Futebol

Preso há dois anos, Robson, ex-motorista do jogador Fernando, está perto de receber perdão da Rússia

Foto: Reprodução

O pedido de perdão ao motorista Robson do Nascimento Oliveira, que foi preso em Moscou, está perto de chegar. Caso o presidente da Rússia, Vladimir Putin, assine o documento, o brasileiro ficará livre na Justiça. O pedido já foi aprovado por uma comissão regional administrativa e pelo prefeito de Moscou, Sergey Sobyanin. A informação foi publicada pelo “Blog da Gabriela Moreira”, do “ge”.

O motorista já tinha conseguido a redução de sua pena de 12 para três anos de prisão por entrado na Rússia em março de 2019, com duas caixas de Mytedom 10mg (cloridrato de metadona), substância proibida no país. Após ser condenado, foi transferido para a Colônia Penal de Regime Fechado número 5 na cidade de Klekotki.

Robson levava o remédio para o sogro do jogador Fernando, que na época atuava no Spartak Moscou (hoje está no Beijing Guoan) e o havia contratado para trabalhar como motorista. A embaixada brasileira na Rússia havia pedido a liberdade de Robson por razões humanitárias – devido à escalada da pandemia de COVID-19.

O pedido de indulto a Robson foi feito pelo Governo brasileiro no início do ano, após finalizada a fase de recursos à sentença. A entrada da diplomacia brasileira no caso se deu após dois anos de matérias da imprensa relatando o caso e, mais recentemente, apelo de jogadores de futebol como Richarlison e Felipe Melo.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top