Futebol Internacional

PSG goleia Reims com grande atuação de Neymar e adia decisão da Ligue 1

Neymar e Mbappé: PSG vence Reims por 4-0
Divulgação / PSG

Com gol e assistência de Neymar, o PSG goleou o Reims por 4 a 0 no Parque dos Príncipes e poderá ser campeão francês com vitória na última rodada.

O jogo inteiro foi dominado pelo PSG que tinha a obrigação de vencer para seguir ameaçando o título do Lille. Era totalmente esperado que o Reims entrasse defensivamente, mas a expulsão do zagueiro Abdelhamid ao colocar a mão da bola dentro da área, originando pênalti para a equipe parisiense, deixou o trabalho mais fácil.

Neymar foi para a cobrança e marcou o primeiro gol em um jogo que foi completamente dominado na sequência. O segundo gol foi marcado pouco depois por Kylian Mbappé no erro da saída de bola adversária. Foram 13 finalizações e quatro chutes no alvo apenas no primeiro tempo.

Na segunda etapa, o PSG voltou ainda melhor impondo bastante pressão na marcação e construindo bastante, na velocidade, explorando os lados e dominando completamente o meio-campo.

O terceiro gol era questão de tempo e assim aconteceu, com Marquinhos subindo mais que a defesa adversária em cobrança de escanteio. Moise Kean completou a goleada no lance final do jogo, com assistência de Marquinhos.

Em uma das melhores atuações do PSG na temporada, Neymar foi extremamente participativo com mais de 100 toques na bola e 55 passes certos, além de criar duas grandes chances, contribuir com uma assistência e vencer mais de 10 disputas de bola.

Com a vitória, o PSG chegou a 79 pontos e ainda contou com um empate do Lille contra o Saint-Etienne nesta rodada. Para ser campeão, o PSG precisa vencer seu último jogo e torcer por um empate do Lille na última rodada.

Os jogos da rodada final serão realizados no próximo domingo, dia 23 de maio, a partir das 16h. O PSG visitará o Stade Brestois e o Lille terá pela frente o Angers, também fora de casa. Enquanto isso, o Reims receberá o Bourdeaux.

1º TEMPO

Sem pretensão para as rodadas finais do campeonato, o Reims poderia ser ameaçador quando partisse para os contra-ataques. A equipe de David Guion entrou em campo com o tradicional 4-1-4-1 defensivo tendo Cassama entrelinhas e Dia como homem de referência. Ao roubar a bola, a equipe utiliza o 4-3-3 na fase ofensiva com Mbuku e Cafaro mais adiantados.

Como esperado, o PSG começou em cima com três chances claras de gol em dez minutos. Aos quatro minutos, Di Maria cruzou rasteiro e acionou Marquinhos que se adiantou à marcação e bateu firme em chute bloqueado por Faes.

Aos seis minutos, Mbappe tirou a marcação para dançar na grande área e conseguiu encontrar espaço para bater no ângulo, mas Rajkovic estava atento e acabou bloqueando a finalização perigosa do francês. Dois minutos depois, Di Maria tentou chute de curta distância para tentar surpreender Rajkovic, mas o goleiro estava atento.

O jogo demonstrava um início muito interessante estrategicamente, mas o prognóstico inteiro seria modificado aos 10 minutos. Em mais uma grande jogada, Di Maria saiu na velocidade em contra-ataque e achou Mbappe com liberdade na direita com o goleiro vencido, pois Rajkovic tentou se adiantar prevendo chute do argentino. Mbappe deu um leve toque para marcar, mas a bola não entrou porque Abdelhamid se jogou no chão e usou o braço para desviar a bola.

Diante do lance flagrante, o árbitro Clement Turpin não pensou duas vezes em marcar o pênalti a favor do PSG e expulsar Abdelhamid, deixando o PSG com um jogador a menos com apenas 10 minutos de jogo. O VAR revisou a jogada por três minutos buscando impedimento, mas a jogada foi legal. Restou apenas para Neymar cobrar firme e vencer o goleiro Rajkovic para abrir o placar ao PSG.

Com um jogador a menos, o Reims não conseguiu ser perigoso e manteve a estratégia defensiva, mas a fragilidade estava exposta e o PSG seguiu ameaçando mais. Apesar disso, o segundo gol saiu novamente de forma improvável, em erro gravíssimo na saída de jogo do Reims., aos 24 minutos de jogo.

O PSG estava pressionando a saída adversária, Foket recebeu passe no lado direito da área e tentou acionar Faes perto da pequena área, mas ninguém percebeu Mbappe muito próximo do marcador. O atacante do PSG chegou primeiro na bola e chutou firme, surpreendendo Rajkovic e ampliando para 2 a 0 a vantagem.

Aos 30 minutos, o Reims conseguiu ameaçar pela primeira vez. Munetsi conseguiu achar Dia na frente da última linha adversária e o atacante pôde chutar de curta distância pelo lado direito. A bola passou pelo goleiro Navas mas nenhum jogador apareceu para completar.

Na reta final do primeiro tempo, o Reims tentou ficar um pouco mais com a bola e foi possível notar a formação 4-3-3 sendo utilizada pelo PSG na fase defensiva. Os parisienses tentaram construir algumas chances e tiveram oportunidade no contra-ataque, mas Di Maria errou o passe no meio-campo buscando Neymar e a jogada foi desperdiçada.

O PSG ainda teve uma grande chance de ampliar antes do intervalo. Neymar trouxe diversos marcadores para a entrada da área e descolou um passe espetacular para Mbappé que ficou no 1v1 dentro da área contra o goleiro Rajkovic. Para a sorte do Lille, Mbappé desperdiçou e a bola saiu por pouco no canto esquerdo.

2º TEMPO

Com 13 finalizações no primeiro tempo, o Paris Saint-Germain voltou com intensidade ainda maior no início da segunda etapa e impôs ao Reims um ritmo impressionante com diversas chances sendo criadas para tentar confirmar a vitória com a maior antecedência possível.

A primeira chance foi de Mbappe aos 5′ depois de cortar por dentro e passar pelos defensores, jogando a bola para fora por muito pouco. Dois minutos depois, foi a vez de Neymar tentar chutar dentro da área, mas acabar sendo bloqueado pela defesa adversária. O brasileiro teve chance semelhante novamente, mas Cassama fez o corte na entrada da área antes do chute.

O Reims conseguiu chegar ao perigo apenas uma vez aos 13 minutos com Zeneli cruzando para Cassama tentar acionar Dia perto da área, mas a bola acabou ficando para Navas. Um minuto depois, o PSG bateu na trave com Mbappe em chute com 22m de distância após cruzamento de Herrara.

Aos 18 minutos, Neymar foi mais uma vez responsável por criar jogada e deixar Di Maria com liberdade dentro da área para concluir de cabeça, mas Rajkovic defendeu. Quatro minutos depois, foi a vez de Herrera tentar chuta de longa distância, mas a bola acaba saindo longe.

Depois de bastante volume, o terceiro gol finalmente saiu aos 23 minutos do segundo tempo. O PSG mais uma vez pressionou a saída adversária e conseguiu um escanteio. Na cobrança, Neymar deixou na medida para Marquinhos surpreender a defesa adversária e cabecear firme, deixando a vitória encaminhada em 3 a 0.

O Reims seguiu completamente atônito na partida e o PSG seguiu pressionando para tentar o quarto gol. Aos 25 minutos, Mbappe ficou no 1v1 novamente, mas o goleiro Rajkovic fez uma excelente defesa e venceu o duelo individual pela segunda vez. Em seguida, Neymar driblou Foket dentro da área em grande jogada, mas acabou parando no corte de Cassama.

Ainda houve tempo para o PSG buscar o quarto gol, aos 44 minutos do segundo tempo. Moise Kean, que entrou no lugar de Mbappé, recebeu grande passe de Rafinha dentro da área e, mesmo desajeitado em condições favoráveis, conseguiu girar e bater no canto esquerdo para superar o goleiro e ampliar a goleada.

NÚMEROS

  • Mbappé alcançou o recorde de 40 jogos marcados por um francês em uma temporada. O último francês com resta marca foi Stéphane Guivarc’h na temporada 1997/98 no Auxerre.

CLASSIFICAÇÃO

JVEDSGPTS
1Lille3723113+4080
2PSG372548+5679
3Monaco372458+3477
4Olympique Lyonnais3722105+3976
5Olympique Marseille37161110+759
6Lens37151111+156
7Rennes37151012+1055
8Montpellier37131212-351
9Nice3714716-449
10Metz37121015-446
11Saint-Étienne37121015-1146
12Angers SCO3712817-1744
13Reims3791513-742
14Bordeaux3712619-1542
15Strasbourg3711818-941
16Brest3711818-1441
17Lorient3711818-1841
18Nantes3791315-740
19Nîmes379820-2935
20Dijon373925-4918
(1-2: UEFA Champions League) (3: Playoffs da Champions) (4: UEFA Europa League) (5: UEFA Conference League) (18: Playoffs do Rebaixamento) (19-20: Rebaixamento)

ESTATÍSTICAS

PSG 4REI 0
Posse de bola57%43%
Finalizações282
Chutes no gol100
Escanteios95
Impedimentos12
Faltas144
Cartões Amarelos (Vermelhos)0 (0)0 (1)
Passes586440
Passes certos94%87%
Cruzamentos5/2311/19
Dribles10/1511/19

FICHA TÉCNICA Ligue 1 2020/21 – 37ª Rodada
Paris Saint-Germain 4-0 Reims

Data: 16/05/2021, 16:00
Estádio: Parc des Princes
Árbitro: Clement Turpin

Gols: 1T 12′ Neymar (PSG); 1T 24′ Mbappé (PSG); 2T 23′ Marquinhos (PSG); 2T 45′ Moise Kean (PSG)

Cartão Vermelho: 1T 10′ Abdelhamid (Reims)

Substituições – PSG: Rafinha (Draxler); Sarabia (Dí María); Paredes (Moise Kean); Pembele (Dagba)

Substituições – Reims: Zeneli (Cafaro); Toure (Dia); Kutesa (Mbuku)

Paris Saint-Germain (4-2-3-1): Keylor Navas; Dagba, Marquinhos, Kehrer, Bakker; Ander Herrera, Danilo Pereira; Ángel Di Maria, Neymar, Draxler; Mbappé. Técnico: Mauricio Pochettino

Reims (4-4-2): Rajkovic; Foket, Faes, Abdelhamid, Ghislain Konan; Cassama; Mbuku, Munetsi, Chavalerin, Cafaro; Boulaye Dia. Técnico: David Guion.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top