Automobilismo

Racing Point e RBR se destacam nos treinos livres do GP da Estíria

Foto: Reprodução

Uma semana depois do GP da Áustria, o Circuito de Spielberg recebe novamente a Fórmula 1 neste final de semana. Nesta sexta, os treinos livres para o GP da Estíria (região onde fica o circuito), chamaram atenção por conta da Racing Point e a Red Bull Racing andando na frente das Mercedes.

‘MERCEDES ROSA’ NA FRENTE

No primeiro treino livre, no início da manhã desta sexta, a Racing Point do mexicano Sergio Perez, de pneus macios, marcou o tempo mais rápido (1m04s867), seguido de Max Verstappen, da Red Bull, também de pneus macios, que anotou 1m04s963.

A Mercedes só apareceu com o terceiro e quarto tempos mais rápidos, com Valtteri Bottas, vencedor do GP da Áustria e líder do Mundial, com o tempo de 1m05s089, e Lewis Hamilton, em quarto, com 1m05s120.

A Ferrari, apesar de ter conseguido o segundo lugar do GP da Áustria, passou novamente por problemas de desempenho e ficou apenas com o 10º tempo, com Vettel (1m05s770) e em 12º, com Leclerc (1m05s837).

EM CASA, RED BULL NA FRENTE

No segundo treino livre, a dona da casa Red Bull finalmente andou na frente. Depois de ter ficado com o segundo melhor tempo no FP1, Max Verstappen foi o líder do FP2, com o melhor tempo do dia (1m03s660). Bottas terminou em segundo com 1m03s703, e Sergio Perez, que fez o tempo mais rápido do primeiro treino, fez a terceira volta mais rápida com 1m03s877.

A Racing Point novamente surpreendeu, e depois de ‘vencer’ o primeiro treino, terminou com os dois carros entre os quatro mais rápidos, já que Lance Stroll fez o quarto tempo com 1m04s241. Já Lewis Hamilton fez apenas o sexto tempo, com 1m04s348.

A Ferrari, assim como nos treinos livres do GP da Áustria e no primeiro treino livre da Estíria, não teve um bom desempenho e apareceu apenas com o 9º tempo, com Charles Leclerc (1m04s706) e Sebastian Vettel ficou com o 16º tempo, com 1m05s613.

Resultado do segundo treino livre do GP da Estíria — Foto: Reprodução/FOM
Foto: Reprodução/F1

O momento mais tenso do treino livre ficou por conta do acidente de Daniel Ricciardo, piloto australiano da Renault. Na penúltima curva da pista, Ricciardo viu seu carro sair de traseira e se chocou contra a barreira de pneus. Mas após o susto, o australiano caminhou pelo paddock e não deve ter maiores problemas para o treino classificatório deste sábado.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: Lewis Hamilton faz sua primeira pole position do ano - ENM

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top