Internacional

Ramírez analisa derrota do Inter e explica preferência por Zé Gabriel

Divulgação/Internacional

Na tarde deste domingo (16), o Internacional perdeu o clássico Gre-Nal por 2 a 1, no estádio Beira Rio, pelo jogo de ida da final do Gauchão. Com o resultado, o Colorado precisa vencer o Grêmio por dois gols de diferença na semana que vem para sair campeão. Na coletiva, o treinador Miguel Ángel Ramírez analisou a derrota.

— Uma eliminatória tem 180 minutos. Tínhamos que marcar gols para o jogo de volta. Quero sempre por filosofia, não guardar nada e tentar sempre o máximo dentro do campo. Tem dias que a bola não quer entrar. São coisas que não controlamos. São detalhes. Por vezes, até sorte — afirmou o comandante colorado.

Zé Gabriel foi um dos jogadores mais criticados do Inter pela derrota no Gre-Nal. No primeiro gol do Grêmio, o zagueiro não marcou direito Diego Souza, e o centroavante tricolor cabeceou para o fundo das redes após cobrança de falta de Lucas Silva. O camisa 35 colorado já havia falhado na derrota diante do Deportivo Táchira, na última terça-feira. Porém, Ramírez pretende continuar escalando ele na equipe titular.

— Eu tenho a informação do dia-dia. No momento, o jogador que está desempenhando melhor é Zé Gabriel. Por isso joga. Vejo ele e seus companheiros todos os dias — disse o treinador do Inter.

Antes de enfrentar o Grêmio no domingo (23), pelo jogo de volta da final do Gauchão, o Inter irá encarar o Olimpia na quinta-feira (20), pela 5ª rodada da Copa Libertadores. A equipe de Ramírez irá a campo contra os paraguaios precisando vencer ou empatar para continuar na briga por uma vaga às oitavas de final da competição.

Para saber tudo do Internacional, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top