Juventude

Retornos e ausências no Juventude para enfrentar o Grêmio

Fernando Alves /EC Juventude

A delegação do Juventude vai concluir o seu retorno do Rio de Janeiro para Caxias do Sul apenas na noite desta quinta-feira (14). O período de deslocamento vai servir para digerir a derrota por 3 a 1 para o Flamengo e projetar o confronto decisivo contra o Grêmio, marcado para o domingo (17), na Arena. Para este jogo, o técnico Marquinhos Santos terá os retornos dos volantes Jadson e Dawhan, porém pode ter desfalques importantes.

Uma ausência será o lateral-esquerdo William Matheus, suspenso pelo terceiro cartão amarelo. O autor do gol alviverde no Maracanã foi substituído por Guilherme Santos minutos após a punição, como forma de dar ritmo de jogo ao atleta recentemente contratado pelo clube. Santos deve ser o titular no lado esquerdo da defesa diante do Grêmio. No meio-campo, o retorno da dupla formada por Dawhan e Jadson deve ocasionar as saídas de Ricardinho e Juan Quintero, titulares contra o Flamengo. Assim, o esquema 4-3-3 seria retomado. Contudo, o Juventude ainda tem dúvidas na formação do setor ofensivo pois dois jogadores importantes sofrem de problemas físicos: Guilherme Castilho e Ricardo Bueno.

Substituído no intervalo do jogo do Maracanã, quando o Rubro-negro carioca vencia por 3 a 0, Castilho teve problemas gastrointestinais que prejudicaram seu desempenho na partida. Conforme o técnico Marquinhos Santos, sua ausência no início da partida fora cogitada como uma preservação para enfrentar o Grêmio, porém ele conseguiu atuar por 45 minutos. Caso não consiga se recuperar, Wescley é o mais cotado para entrar no meio-campo e reforçar o Juventude.

Para saber tudo do Juventude, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook. E se inscreva no nosso YouTube!

No ataque, o motivo de maior preocupação para o torcedor Jaconero é a condição do centroavante Ricardo Bueno. Ausente das partidas contra Palmeiras e Sport, ele voltou a atuar nos jogos contra América-MG e Flamengo, porém deixou a partida aos 37 minutos do primeiro tempo acusando um novo desconforto muscular. Conforme o treinador do Juventude, não há uma certeza se ele estará presente diante no duelo direto contra o Z-4

— Nos preocupa em relação ao que ele acusou na saída, pois o risco de perdê-lo por um período maior pode ser agravado por uma lesão. Claro que teremos que fazer o exame para ter um diagnóstico mais preciso. Mas ele é experiente e, conhecendo seu corpo, pediu para sair. Se for uma lesão grau 1, por exemplo, sabemos que o atleta fica de fora de sete a dez dias, então vamos aguardar — afirmou Marquinhos Santos, técnico do Juventude

Na 15ª posição, com 28 pontos, um a mais que o Bahia, que abre a zona do rebaixamento, o Juventude agora terá uma sequência de três confrontos diretos contra o Z-4 nos próximos três finais de semana. No domingo (17), às 18h15min, enfrenta o Grêmio, em Porto Alegre. Depois recebe Ceará e Bahia no Estádio Alfredo Jaconi.  

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top