Atlético-MG

Maior da história? Réver chega ao 10° título conquistado pelo Atlético-MG

Foto: Lucas Figueiredo/CBF

Campeão da Supercopa do Brasil pelo Atlético-MG, o capitão e ídolo Réver chegou a 10ª conquista com a camisa do clube, sendo um dos maiores campeões da história e, sem dúvidas, o que mais venceu títulos considerados importantes.

+ Atlético-MG zoa Flamengo nas redes sociais: ‘Cheirinho’

Réver chegou ao Atlético pela primeira vez em 2010, vindo do futebol alemão. Nos primeiros anos, o clube estava em baixa, ele foi levantar um caneco pela primeira vez em 2012, ao conquistar o Campeonato Mineiro. De lá pra cá, foram mais nove títulos, sendo os principais a Libertadores de 2013, quando era o capitão do time, a Copa do Brasil em 2014, quando era reserva e depois acabou deixando o clube. Retornou em 2019 e conquistou outra Copa do Brasil e o tão sonhado Brasileiro em 2021.

Primeiro capitão da equipe, Réver levantou as últimas taças do Galo mesmo sem ter entrado em campo. No jogo da taça do Brasileirão, entrou nos últimos minutos, na Copa do Brasil e na Supercopa, não entrou em campo, mas mesmo assim foi um dos responsáveis por erguer a taça, o que mostra o tamanho dele dentro do clube.

Títulos do Réver pelo Atlético:

  • Campeonato Mineiro – 2012, 2013, 2020 e 2021
  • Copa Libertadores – 2013
  • Recopa Sul-Americana – 2014
  • Copa do Brasil 2014 e 2021
  • Campeonato Brasileiro 2021
  • Supercopa do Brasil – 2022

Réver tem contrato com o Atlético até o fim de 2022. Para fechar a prateleira dos principais títulos pelo Galo, o zagueiro precisa vencer o Mundial de Clubes, para isso, precisa vencer mais uma vez a Libertadores e ainda ter o contrato renovado, já que o torneio será disputado em 2023. Questionado sobre isso na última semana, ele afirmou que vai fazer de tudo para chegar a essa conquista.

MAIOR ZAGUEIRO ARTILHEIRO

No Atlético, Réver já marcou 30 gols, sendo o segundo maior zagueiro artilheiro da história do clube. Na frente dele, o ex-companheiro de defesa, Léo Silva, com 36 gols. Além de ser um dos maiores vencedores, Réver busca também essa alcunha de maior zagueiro artilheiro.

Hoje reserva, Réver vai precisar ser cirúrgico nas oportunidades que tiver ao longo da temporada para marcar seis gols e pelo menos empatar com Léo. Nos anos mais goleadores dele pelo clube (2012 e 2013), marcou sete gols.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top