Flamengo

Rodrigo Caio revela pedidos de Ceni e fala sobre o VAR no jogo contra o Corinthians

(Foto: Alexandre Vidal/Flamengo)

Convidado da semana no quadro ‘Resenha do Craque’, no Facebook do Flamengo, o zagueiro Rodrigo Caio se reuniu com João Mércio para analisar e comentar sobre os melhores momentos da vitória sobre o Corinthians, no último domingo, pela 36ª rodada do Brasileirão. Durante o papo, o defensor destacou a intensidade imposta pelo rubro-negro, elogiou o poder de decisão de Gabigol e também comentou sobre o VAR: “eu só pedia para ser validado”.

Ao analisar os principais lances da primeira etapa, o zagueiro deu bastante destaque ao jogo vertical da equipe rubro-negra, pontuando, inclusive, como o grande diferencial desta era Ceni. Além disso, Rodrigo Caio ainda revelou parte da conversa no vestiário durante o intervalo da partida.

É a diferença da nossa equipe. Quando estamos com a bola, somos bem agressivos. Nosso time procura ser muito vertical, principalmente com a bola dos lados. É um pedido recorrente do Rogério. Precisamos preencher a área para ser favorecido. O Rogério também pede para encurtarmos o máximo de campo possível, para roubar a bola mais rápido. A nossa fala no vestiário era justamente para continuar com a mesma intensidade e agressividade na marcação. Que a gente conseguisse tocar rápido para achar os espaços, principalmente pelo lado direito – do nosso jogador mais rápido (Bruno Henrique)

Já sobre o segundo tempo, Rodrigo Caio contou o que sentiu durante a análise do VAR no gol marcado por Gabriel Barbosa, aos 55 minutos, e aproveitou para elogiar o companheiro.

Ele (Gabigol) está sempre muito bem posicionado. Eu até brinco e falo que ele é largo para fazer gol. Nós, defensores, precisamos ficar 100% ligados na hora de marcar um cara desse, pois em qualquer vacilo você dá a vantagem pra ele. No momento do VAR, a gente fica ali atrás com a expectativa muito grande. A única coisa que eu pedia era para o gol ser validado, pois seria muito importante para nós logo no início do jogo.

Soberano na zaga, Rodrigo Caio espera a definição de sua dupla para a grande ‘decisão’ contra o Internacional. Entre as opções, Rogério Ceni pode manter o Arão improvisado ao lado do ”xerife” ou jogar com dois zagueiros de origem optando pelo Gustavo Henrique (Léo Pereira).

Clique aqui para conferir a entrevista completa no Facebook do Flamengo.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top