São Paulo

Sem renovação no São Paulo, Rodrigo Freitas recusa Vasco e mira Europa

O zagueiro Rodrigo Freitas está na lista de jogadores que não deve continuar no São Paulo em 2022. O contrato do zagueiro termina no dia 31 de dezembro de 2021 e não deve ser renovado, já que as tratativas no meio do ano não evoluíram e uma resolução atualmente é pouco provável.

Aos 23 anos, o jovem, além de Cotia, também atuou nas categorias de base do Bahia e esteve em convocações da Seleção Brasileira, tanto no sub-15 como na Olímpica, que disputou o torneio de Tenerife e agora busca um novo rumo para a sua carreira, mas quer um destino fora do Brasil.

Segundo uma fonte próxima do jogador, o Vasco chegou a fazer duas investidas, uma no meio do ano e outra mais recentemente, porém a ideia de atuar pelo cruz-maltino não agradou o grupo de agentes do atleta. A equipe carioca segue em busca de nomes para reformular o setor, pois pode vender Ricardo Graça, não renovou com Ernando e Walber, além de ter encaminhada a rescisão de Leandro Castán.

O grupo que cuida da carreira do jogador quer inserir Rodrigo em algum time da Europa, mas teve uma tentativa frustrada no futebol alemão.

Para saber tudo do São Paulo e do Mercado da Bola, siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram, Facebook e se inscreva no nosso YouTube.

Rodrigo foi oferecido ao Greuther Fürth, lanterna da Bundesliga com apenas uma vitória em 16 jogos no campeonato. A equipe tem a pior defesa da competição, com 49 gols sofridos e vem empilhando goleadas. Em rodadas recentes perdeu para o Bayer Leverkusen por 7 a 1, para o Hoffenheim por 6 a 3 e para o Borussia Mönchengladbach por 4 a 0. No entanto, nos últimos dois jogos, apesar da derrota para o Borussia Dortmund por 3 a 0, o time conseguiu vencer uma partida, ao derrotar o Union Berlin por 1 a 0.

Mesmo em situação difícil na liga, a equipe, que teve sucesso na década 20, não teve interesse no zagueiro brasileiro. O grupo de agentes segue buscando um espaço para seu atleta, que já atuou no Portimonense, de Portugal, onde teve uma pequena sequência antes de retornar ao tricolor.

Pelo São Paulo, Rodrigo atuou dez vezes, nove na última temporada e anotou um gol, mas não joga desde agosto, quando entrou em campo no segundo tempo da disputa contra o Vasco, pela Copa do Brasil.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top