Tênis

Roland Garros 2020: Zverev, Nishikori e Wawrinka triunfam em estreias; veja os resultados da chave masculina deste domingo

Photo by ANNE-CHRISTINE POUJOULAT/AFP via Getty Images
— Continua depois da publicidade —

Foi dada a largada na manhã deste domingo (27) para a 124ª edição do Aberto da França, em Paris. O único Grand Slam jogado no piso de saibro é notório por proporcionar jogos mais lentos e extenuantes em relação aos demais Majors do circuito e, para a edição de 2020, tem como principal novidade a disputa no frio outono parisiense, diferentemente da tradicional realização do torneio durante o verão. Esse fator deve tornar as quadras do complexo em Roland Garros ainda mais lentas. Confira a cobertura do Esporte News Mundo.

Jannik Sinner 3-0 David Goffin (7/5, 6/0 e 6/3)

O jovem italiano de 19 anos, Jannik Sinner, debutou em Roland Garros de maneira sublime ao bater o número 13 do mundo, David Goffin, após menos de duas horas de partida. Sinner, atual 75º do ranking, disparou 24 winners, venceu 78% dos pontos disputados com o primeiro-saque e conquistou incríveis 11 games seguidos, do 5/5 no primeiro set ao 3/0 na terceira parcial.

Essa foi a segunda vez que Sinner derrotou o belga neste ano, tendo vencido o duelo anterior em fevereiro, no Aberto de Roterdã.

A promessa italiana enfrentará o francês Benjamin Bonzi pela segunda rodada do Slam.

Daniel Evans 2-3 Kei Nishikori (6/1, 1/6, 6/7, 6/1 e 4/6)

No embate entre o 34º e o 35º do ranking, o japonês Kei Nishikori surgiu triunfante sobre o britânico Daniel Evans em uma partida cheia de reviravoltas, após 3 horas e 50 minutos. Nishikori se apoiou em um sólido jogo de fundo para empurrar Evans cada vez mais longe da linha de base, e mesmo tendo desperdiçado uma vantagem de 3/0 no set derradeiro, confirmou sua segunda vitória em 2020 após forçar o erro final do britânico com seu agressivo backhand.

No total, Evans venceu 138 pontos contra 135 de Nishikori, que enfrentará na segunda rodada o italiano Stefano Travaglia. O tenista japonês retomou sua carreira no começo de setembro após se recuperar de uma cirurgia no cotovelo-direito realizada há quase um ano.

Stanislas Wawrinka 3-0 Andy Murray (6/1, 6/3 e 6/2)

Assim que o chaveamento de Roland Garros 2020 foi anunciado, todos os olhos se voltaram para o confronto entre tricampeões de Majors que aconteceria pela primeira rodada. Digna de uma final em outros tempos, o duelo entre Stan Wawrinka e Andy Murray não correspondeu às expectativas, tendo Wawrinka desempenhado um nível de tênis muito acima do que o britânico poderia entregar pós-cirurgias no quadril.

Embora ambos estejam muito distantes de seus auges, Wawrinka não teve problemas em lidar com o clima frio e a quadra pesada de Paris, somando 42 winners e apenas 27 erros não-forçados, de forma que os golpes de Murray durante os rallies pareciam flutuar à feição do suíço, causando impacto nulo. Essa foi a primeira partida de Murray no saibro desde o drama de cinco sets contra o mesmo Wawrinka pelas semis de Roland Garros 2017.

O suíço diminuiu a desvantagem no retrospecto direto contra Murray para nove vitórias e doze derrotas, e espera estender a solidez demonstrada hoje para o duelo de segunda rodada contra Dominik Koepfer.

Alexander Zverev 3-0 Dennis Novak (7/5, 6/2 e 6/4)

Recém-chegado de seu vice-campeonato no US Open há algumas semanas, o alemão Alexander Zverev demorou para engatar a marcha contra Dennis Novak, mas após estar com 2/5 de desvantagem no primeiro set, emendou uma sequência de cinco games a favor para não deixar mais as rédeas da partida escaparem.

Zverev venceu 83% dos pontos disputados com o primeiro-saque e disparou 37 bolas vencedoras, mostrando que o fato de não ter participado de nenhum torneio de saibro pré-Roland Garros não enferrujou seu jogo. O número sete do mundo aguarda o embate entre Pierre-Hughes Herbert e Michael Mmoh para conhecer seu adversário na segunda rodada.

Outros resultados

Sebastian Korda 3-1 Andreas Seppi (6/2, 4/6, 6/3 e 6/3)

Benjamin Bonzi 3-1 Emil Ruusuvuori (6/2, 6/4, 4/6 e 6/4)

Tomas Machac 2-3 Taylor Fritz (5/7, 6/7, 6/1, 6/2 e 3/6)

Federico Coria 3-0 Jason Jung (7/5, 7/6 e 7/6)

Jurij Rodionov 3-2 Jeremy Chardy (3/6, 4/6, 7/6, 6/4 e 10/8)

Elliot Benchetrit 0-3 John Isner (4/6, 1/6 e 3/6)

Pablo Andújar 0-3 Stefano Travaglia (3/6, 4/6 e 4/6)

Marco Cecchinato 3-0 Alex De Minaur (7/6, 6/4 e 6/0)

Borna Coric 1-3 Norbert Gombos (4/6, 6/3, 3/6 e 4/6)

Dominik Koepfer 3-1 Antoine Hoang (6/2, 3/6, 6/1 e 6/1)

Jordan Thompson 0-3 Radu Albot (2/6, 4/6 e 1/6)

Benoit Paire 3-0 Kwon Soon-woo (7/5, 6/4 e 6/4)

Federico del Bonis 2-3 Juan Ignacio Londero (4/6, 6/7, 6/2, 6/1 e 12/14)

Miomir Kecmanovic 0-3 Diego Schwartzman (0/6, 1/6 e 3/6)

Couretin Moutet 1-1 Lorenzo Giustino (6/0, 6/7, 3/4) *partida suspensa

Siga os perfis do Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top