Cruzeiro

Em post, Ronaldo relembra despontar para o mundo e queda do Cruzeiro: ‘Doeu muito’

O Cruzeiro, o mesmo que revelou Ronaldo “Fenômeno” para o mundo do futebol, agora tem 90% de suas ações como Sociedade Anônima do Futebol (SAF) pertencentes ao ex-jogador e empresário. E, falando pela primeira vez como o dono do clube em suas redes sociais, Ronaldo relembrou alguns momentos marcantes, como a sua primeira vez em campo profissional.

Para quem não se lembra, antes de todos conhecerem o Ronaldo Fenômeno campeão mundial e vencedor do prêmio de melhor jogador do mundo, ainda aos 16 anos, Ronaldo vestia pela primeira vez uma camisa azul e branca para jogar futebol profissional pela primeira vez. Isso mesmo, pelo Cruzeiro.

Veja também: Ronaldo ‘Fenômeno’ assina acordo e é o novo dono do Cruzeiro

Com carinho, ele relembrou o momento em suas redes sociais e destacou a oportunidade dada a ele para que pudesse despontar pelo mundo. Confira trecho do texto compartilhado por Ronaldo em seu Instagram:

– Em 25 de maio de 1993, entrei em campo pela primeira vez como profissional. Lembro como se fosse ontem da minha emoção ao receber a camisa do Cruzeiro. Eu só tinha 16 anos. O pouco tempo que fiquei no time se justifica por uma razão: quase 30 anos depois, digo sem nenhuma dúvida que o Cruzeiro me deu a maior oportunidade da minha vida. Foi com a camisa azul celeste que tive a certeza que os meus sonhos de garoto eram possíveis. Em 8 de agosto de 1994, a despedida do clube que abriu pra mim as portas do mundo; que me proporcionou sentir as primeiras grandes emoções no futebol; que me fez artilheiro, campeão, jogador da seleção; e que me preparou para tudo o que viria adiante.

Apesar de distante em termos físicos, o agora dono do clube, declarou também ter sofrido ao ver a queda do Cruzeiro à segunda divisão nacional em 2019.

– Há dois anos, vi esse time centenário pelo qual tenho extrema gratidão ser rebaixado pela primeira vez; vi a tristeza tomar conta de uma das maiores torcidas do país. Doeu em mim. E sinto ainda mais por saber que é sintoma do estado em que se encontra o futebol brasileiro, parado no tempo. O que seria daquele moleque de 16 anos sem a oportunidade de conquistar o mundo com a bola nos pés? Não tenho todas as respostas para as perguntas que me faço e, possivelmente, não terei para todas as perguntas que vocês me farão. O que eu sei é que aquele garoto que aprendeu no Cruzeiro que os seus sonhos eram possíveis me faz hoje acreditar que é possível tirar o clube de refém dessa crise –, disse outro trecho da postagem.

Ronaldo finalizou o post dizendo que, justamente por isso, chegou a hora de voltar ao Cruzeiro, prometendo não heroismo, mas responsabilidade para com o clube e com a torcida cruzeirense.

– Chegou a hora de voltar. É a minha vez de tentar abrir portas para o time. Não como herói. Não com super poderes para, sozinho, mudar a realidade. Mas com imensa responsabilidade. Com gestão inteligente e sustentável para um crescimento de médio e longo prazo. Com a lealdade de 9 milhões de apaixonados. Começamos agora um novo capítulo na história do clube. Volto porque acredito na volta do Cruzeiro! Volto pra ser parte da mudança do futebol brasileiro.

Confira o texto na íntegra:

Ronaldo Fenômeno adquiriu 90% da SAF do Cruzeiro por R$ 400 milhões, e ainda declarou solidariedade a dívida de R$ 1 bilhão da associação. Fenômeno chega em Belo Horizonte no dia do aniversário do clube, em 2 de janeiro de 2022.

Ronaldo começou a sua carreira como jogador profissional no Cruzeiro em 1993. À época, foi negociado como a maior transferência da história do futebol, por cerca de 6 milhões de dólares, para o PSV, da Holanda.

Na Europa, atingiu os status de “Fenômeno” na Internazionale, da Itália. Ronaldo foi eleito o melhor jogador do mundo em 1996, 1997 e 2002. Além disso, conquistou a Copa do Mundo de 1994 e 2002.

Após muitos anos no velho continente, Ronaldo retornou ao Brasil para jogar no Corinthians. Em 2011, dois anos depois de voltar ao país, encerrou a sua carreira.

Para saber tudo sobre o Cruzeiro, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Instagram e Facebook.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top