Futebol

Rony apazigua polêmicas com Dudu e comemora 10 do Verdão

Rony com a camisa do Palmeiras
Cesar Greco/ Palmeiras

O ano de 2022 começou com mudanças na numeração dos jogadores do Palmeiras em relação a temporada passada. Rony, em sua terceira temporada no clube, será o 10 e falou em uma rede social sobre a troca.

Sei que a camisa “10” normalmente é usada por jogadores com características diferentes da minha, mas agora tenho essa difícil missão de orgulhar nomes como @ademir_divino, Edu Manga, @Alexdesouza, @Djalminhaoficial10, entre tantos outros, principalmente por já estar na história do clube. Em apenas dois anos, vestindo a “11” e a “7”, ajudei o Palmeiras a ser tricampeão da Libertadores.

Rony sobre vestir a camisa 10 do Palmeiras

Para saber tudo sobre o Palmeiras, siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Na postagem feita na manhã de quarta-feira (12), Rony fez questão de apaziguar as possíveis polêmicas com o ídolo Dudu. “Aos maldosos, não criem problema que não existe com o Dudu. Ele pediu ao Anderson Barros a camisa, que me perguntou se existia possibilidade de entregá-la. Concordamos com a proposta do Palmeiras e cedemos, porque a camisa 7 não é minha, ela É DO CLUBE!!!”, disse Rony.

Para ficar ligado nas últimas notícias do Palmeiras, acesse o Esporte News Mundo.

Confira abaixo a postagem na íntegra.

– Agora sou o 10!!! 🐷⚽ É verdade que cada um tem suas preferências, mas o meu orgulho de jogar no Palmeiras independe de número e na minha vida não existe espaço para vaidade. Aos maldosos, não criem problema que não existe com o Dudu. Ele pediu ao Anderson Barros a camisa, que me perguntou se existia possibilidade de entregá-la. Concordamos com a proposta do Palmeiras e cedemos, porque a camisa 7 não é minha, ela É DO CLUBE!!!

Sei que a camisa “10” normalmente é usada por jogadores com características diferentes da minha, mas agora tenho essa difícil missão de orgulhar nomes como @ademir_divino, Edu Manga, @Alexdesouza, @Djalminhaoficial10, entre tantos outros, principalmente por já estar na história do clube. Em apenas dois anos, vestindo a “11” e a “7”, ajudei o Palmeiras a ser tricampeão da Libertadores.

Essa “10”, sem dúvida, é uma camisa muito emblemática, que estava com meu grande amigo @luizadrianinho. Por isso, honrá-la não será uma opção, mas uma obrigação.

Espero, com ajuda da nossa torcida, dos meus companheiros e com a unção de Deus, ser feliz em mais esse desafio na minha vida, escrevendo outra página bonita dentro do Palmeiras, agora com a “10” – publicou Rony, em seu perfil no Instagram.

Postagem de Rony em seu perfil do Instagram – Crédito: Reprodução
Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top