Santos

Rueda admite que Santos esteve à beira do colapso em 2021

Rueda presidente do Santos
Foto: Reprodução/ Fábio Maradei

O Presidente do Santos Andrés Rueda falou, na última terça-feira (17), sobre as pendências financeiras que o Santos precisou resolver em 2021.

Na entrevista ao ‘BandSports’ o presidente alvinegro admitiu mais uma vez que 2021 foi um ano extremamente complicado para o time do litoral. Segundo ele, caso os 10 principais problemas listados pela diretoria não tivessem sido resolvidos, o clube ‘parava’.

Para saber mais sobre o Peixe siga o Esporte News Mundo no TWITTERINSTAGRAM e FACEBOOK. E não se esqueça de se inscrever no nosso canal no YOUTUBE!

Ainda falando sobre 2021, o chefe do executivo do clube trouxe números. “Em 2021, pagamos quase R$ 120 milhões em dívidas. Conseguimos renegociar quase R$ 80 milhões de descontos. Hoje, a gente baixou a dívida em quase R$ 200 mi. A divida está beirando quase R$ 500 mi, sendo que metade é a longo prazo. São dívidas de Profut e tributárias.”

Para 2022, Rueda ainda comentou que a dívida do clube agora está ‘administrável’. Mesmo assim, o presidente admitiu que 2022 ainda vai ser ‘sofrido’, muito pelas parcelas e pendências que foram renegociadas.

O Santos estreia no Campeonato Paulista, na próxima quarta-feira (26), contra a Inter de Limeira, em Limeira.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top