Santos

Rueda fala de saída de Ariel Holan e Marcelo Fernandes também comenta: “É um grande profissional”

Rueda
(Foto: Ivan Storti/Santos FC)

O Santos venceu o São Bento, na Vila Belmiro neste domingo (9). O resultado livrou a equipe de um rebaixamento inédito em sua história e tirou um peso das costas do elenco. Após a partida, Rueda falou sobre a situação do clube, o futuro e comentou a saída de Ariel Holan do time por um “trauma”. Marcelo Fernandes explicou um mal entendido da semana passada.

“Ariel resolveu sair com menos de dois meses. Respeito a posição dele pois tinha um trauma anterior em relação a uma torcida na Argentina, quando foi até sequestrado. Com a pressão, natural da nossa torcida, resolveu sair”, disse Rueda em entrevista coletiva.

Marcelo Fernandes, que na semana passada disse que pegou “uma equipe há três rodadas que não chutava em gol” esclareceu a situação e disse não quis cutucar Holan. “Quero deixar bem claro que não foi esta a conotação. O professor Ariel é um grande profissional. Infelizmente não deu continuidade no trabalho, teve seus motivos. Mas fomos fiéis o tempo inteiro, como fui com todos que passaram aqui, não tenho queixa de ninguém. Naquele momento, até o professor Ariel, nós víamos este defeito na nossa equipe de não chutar uma bola em gol. Então era um processo que viria naturalmente nas mãos dele. Não temos nada para cutucar ninguém. Muito pelo contrário, tenho que agradecer muito ao professor Ariel, foram poucos dias, mas muito proveitosos”, explicou o auxiliar.

O Santos volta a jogar nesta terça-feira (11), contra o Boca Juniors, às 19:15, na Vila Belmiro, pela rodada quatro do grupo C da Conmebol Libertadores.

Quer saber mais o Santos, siga o Esporte News Mundo pelo TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top