Santa Cruz

Santa Cruz vence o Vitória em estreia no Campeonato Pernambucano

Foto: Rafael Melo / Santa Cruz

No Arruda, o Santa Cruz não precisou forçar muito para vencer o Vitória por 2 a 0, com gols de Pipico e Léo Gaúcho, ambos de cabeça.  Com a vitória, o Tricolor vai a três pontos e divide a liderança com o Sport, que também venceu por dois gols de diferença (fazendo um gol a mais). O Salgueiro também venceu, mas fica na terceira posição, porque só tem um de saldo.

No sábado, o Santa Cruz vai até Salvador enfrentar  o Vitória, pela Copa do Nordeste. No Pernambucano, o compromisso é na quarta-feira, diante do Central, no Lacerdão. O Vitória só volta a campo no dia 07 de março, contra o Vera Cruz, na Arena de Pernambuco.

Jogando em casa, o time coral criou a primeira boa chance com Chiquinho e depois parou.  A partir daí, o Vitória começou a dominar a partida e abusou de perder gols. Palominha perdeu duas chances claras, umas o goleiro Jordan salvou a queima roupa e na outra, o atacante errou a cabeçada sem goleiro. Como nem sempre o futebol é justo, o Tricolor abriu o placar após Pipico completar cruzamento de Paulinho e mandar sem chances para o goleiro Preto.

A  primeira metade da segunda etapa foi poucas emoções e sem criatividade. Aos 23, Pipico recebeu um cruzamento de Didira, após passe de Paulinho, e, de voleio, bateu forte para uma grande defesa de Preto. Aos 35, Chiquinho mandou no meio da área, onde Léo Gaúcho apareceu para, de cabeça, fechar o placar.

FICHA DO JOGO

SANTA CRUZ: Jordan; Danny Morais, William Alves e Célio Santos; Augusto Potiguar, Paulinho, Ítalo Henrique e Marcel (Vinícius Balotelli); Didira (Felipe Simplício), Chiquinho e Pipico (Léo Gaúcho).
Treinador: João Brigatti.

VITÓRIA: Preto Celismar; Léo Fernandes, Geovani, Edivan e Xaves; Rogerinho, Vitor e George (Marcelo Nicácio); Nathan (Salvaterra), Diogo Peixoto e Palominha (Juninho).
Técnico: Fernando China.

Local: Estádio do Arruda
Gols: Pipico (SAN | 40’/1ºT), Léo Gaúcho (SAN | 35’/2ºT)
Cartões Amarelos: Danny Morais (SAN), Nathan e Edivan (VIT)
Arbitragem: Diego Fernando
Assistentes: Ricardo Chianca e Matheus Valentim

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top