São Paulo

São Paulo pode ultrapassar sua melhor média de gols desde 2006

A temporada do São Paulo até então tem impressionado. Tanto negativamente como positivamente, o torcedor consegue respirar tranquilamente somente agora. De eliminações à uma classificação para as semifinais da Copa do Brasil em uma noite perfeita, podemos perceber o quão eficiente o ataque vem sendo a cada jogo.

Há duas temporadas atrás, a equipe teve as duas piores médias de gols desde 2006. Um exemplo disto, foi a época de 2019 em que o ataque não era tão eficiente (59 gols) e a defesa, quase chegou a estar com o mesmo número de gols marcados (53 gols sofridos). Por mais que o Tricolor esteja em uma competição a mais neste ano em relação à 2019 (Sul-americana), não muda muito os fatos: são mais 6 gols em 80 marcados só nesta temporada.

Um dos melhores desempenhos do Clube de eficiência em gols foi em 2006, quando o Tricolor foi Campeão Brasileiro. Uma temporada e tanto: máximo de 9 jogos sem perder no Campeonato Paulista, o 1º colocado com mais vitórias no Brasileirão, máximo de 13 jogos sem perder, time que mais venceu na Libertadores e um desempenho incrível no ataque em toda a temporada: uma média de 1,89 de gols marcados, o que equivale a 138 gols juntando todos os campeonatos.

O que vem chamando atenção nesta temporada, é justamente a quantidade de gols que o Tricolor vem fazendo seus adversários. São 17 gols nos últimos 6 jogos. Até então, a equipe paulista tem 80 gols juntando todos os campeonatos, uma média de 1,86 e que pode ultrapassar este número até o fim da temporada, que se encerra em fevereiro de 2021. Desde que o ano começou, o São Paulo não abriu o placar somente 5 partidas: contra o Palmeiras, Corinthians, Botafogo-SP (empate – todos pelo campeonato paulista), Atlético Mineiro (derrota por 3 a 0 pelo campeonato Brasileiro) e Grêmio (empate pelo Brasileirão). De lá para cá, o Tricolor sempre marcou.

Fruto de um trabalho feito por Fernando Diniz há pelo menos um ano, o qual era alvo de muitas críticas, todo o elenco subiu de produção, mas a linha de frente do São Paulo vem atuando de forma incrível. O técnico conseguiu estabelecer a confiança no elenco, fortaleceu os garotos da base no time principal e recuperou o desempenho de outros jogadores.

Um dos exemplos disso é o Luciano, que tem 11 gols na temporada com a camisa do São Paulo e artilheiro do time no Campeonato Brasileiro com 8 gols. O jogador de 27 anos que tem 21 jogos e 19 como titular na temporada, tem ajudado marcando muitos gols e sendo decisivo nas últimas partidas. O Tricolor Paulista nunca perdeu uma partida em que o Luciano marcou.

Brenner, que está muito em alta vestindo a camisa do São Paulo, não tinha muitas oportunidades no começo da temporada, sempre entrando praticamente nos minutos finais das partidas e ficou sem atuar em 7 jogos do Campeonato Paulista e Libertadores. Hoje, é titular da equipe, um dos diferenciais que o São Paulo tem como referência no ataque. O garoto de apenas 20 anos que já despertou interesses de times europeus, vive uma ótima fase como artilheiro da equipe: nos últimos 9 jogos em que foi titular, foram 9 gols. Ao todo, são 17 gols na temporada.

Pablo com 11 gols na temporada, Gabriel Sara com 5 e Igor Gomes com 2 são apenas alguns exemplos de como Fernando Diniz conseguiu mudar a maneira da equipe jogar e aumentou o desempenho de um time que vinha desanimado diante de eliminações, mas agora, constrói ótimos resultados e um trilha um caminho para ficar mais perto das conquistas.

Para saber tudo sobre o São Paulo siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top