Chapecoense

Seis jogos em 17 dias: Thiago se prepara para maratona de jogos com o Cruzeiro, começando pela Chape

Foto: Bruno Haddad/ Cruzeiro

O Cruzeiro está em meio a uma intensa maratona de jogos a serem disputados na Série B, com os próximos seis duelos marcados em um intervalo de 17 dias. Além disso, a equipe precisa continuar com a boa sequência de invencibilidade para continuar a subir na tabela de classificação e almejar novos ares dentro da competição. Ao todo, a Raposa está a oitos jogos sem perder – três vitórias e cinco empates.

Para o atacante Thiago, de 19 anos, que falou com exclusividade ao Esporte News Mundo, a sequência de jogos será complicada, mas crucial para que a equipe consiga fugir da zona de rebaixamento.

— É importante a gente somar o maior número de pontos possíveis, a gente trabalha no dia a dia para que possamos chegar nos jogos e fazer uma bela atuação. Eu acho que é importante essa sequência para sair dessa situação —, comentou o atacante.

Após a sequência positiva de resultados, a expectativa dos torcedores em conseguir uma arrancada rumo aos quatro primeiros colocados foi muito grande. Mas, seguindo a filosofia do técnico Felipão, Thiago fala que o grupo precisa ter o objetivo primário de se distanciar do Z4 e, depois, se possível, pensar em coisas maiores.

— Primeiramente a gente pensa em sair dessa situação que a gente está, de não ter a possibilidade de cair. Então nesses primeiros momentos, estamos pensando em fazer os 45 pontos e, em outro momento, o segundo objetivo como uma nova possibilidade.

O CONFRONTO

O adversário do Cruzeiro, desta terça-feira (24), em meio a essa maratona de jogos da Raposa, será a Chapecoense, líder da Série B e que vem de dois meses de invencibilidade na competição. Para enfrentá-la, o comandante do Cruzeiro, Luiz Felipe Scolari terá dois reforços importantes: William Pottker e Filipe Machado, ambos retornando após cumprirem suspensão.

Por outro lado, o lateral-esquerdo Matheus Pereira está fora do duelo em virtude do terceiro cartão amarelo. Ainda, o zagueiro Cacá é dúvida para a partida, por ter ficado na capital mineira para acompanhar o nascimento do seu filho, que ocorreu nesta segunda-feira (23).

As duas equipes, em toda a história, sempre fizeram confrontos disputados e muito acirrados. O retrospecto tende a ser positivo para a Raposa, mas o equilíbrio é evidente. Ao todo, se enfrentaram 18 vezes, com sete vitórias para os celestes e seis para os alviverdes catarinenses, além de outros cinco empates.

Chapecoense e Cruzeiro fazem o duelo válido pela 23ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, às 21h30, na Arena Condá.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top