Atlético-MG

SeleGalo: Arana brilha no sub-23 enquanto nenhum estrangeiro vence na segunda rodada das eliminatórias

Foto: Ricardo Nogueira / CBF

Os vários convocados do Atlético entraram em ação nessa terça (08) para defenderem suas seleções. Os estrangeiros não saíram muito felizes, já os os brasileiros que atuaram pela seleção sub-23, saíram bastante constantes, em especial o lateral Guilherme Arana, que marcou um dos gols do Brasil.

SELEÇÃO OLÍMPICA
Os jogadores da seleção olímpica foram os que entraram primeiro em campo no dia. Após serem derrotados para a seleção de Cabo Verde, o sub-23 da seleção chegou pressionado para encarar o sub-23 da Sérvia, mas quando a bola rolou, a história foi tranquila. O atleticano Guilherme Arana foi titular mais uma vez e foi um dos destaques da partida, ao lado de Pedro, do Flamengo. O lateral marcou um golaço, que abriu o placar, e ainda deu assistência para o gol que fechou o marcador.

Já o outro lateral, Guga, não havia atuado contra Cabo Verde e começou mais uma vez no banco. Mas contra a Sérvia entrou no intervalo da partida. Ele não havia sido convocado de início, mas foi chamado quando Emerson, que havia sido convocado, foi chamado para a seleção principal para substituir Daniel Alves.

Arana é figura quase certa na convocação para as Olimpíadas, já Guga tem dura disputa com Gabriel Menino e Emerson, principalmente. Se convocados, desfalcam o Galo no fim de julho, inclusive na partida de volta contra o Boca Juniors, pelas oitavas da Libertadores.

+ Organizada do Atlético-MG fará mosaico em homenagem a torcedor que luta contra câncer

GRINGOS NÃO SE DERAM BEM
Nenhum dos gringos do Atlético conseguiu conquistar os três pontos com suas seleções nessa segunda rodada das eliminatórias da Copa do Mundo. O meia Alan Franco, que jogou os 90 minutos na derrota do Equador para o Brasil no primeiro jogo, não entrou em campo na nova derrota, dessa vez para o Peru, por 2 a 1. Já Savarino, que havia sido reserva na primeira partida da Venezuela, foi titular contra o Uruguai e foi um dos melhores em campo (nota 7.1), segundo notas do SofaScore, mas não conseguiu ajudar a tirar o zero do placar e foi substituído no fim do segundo tempo.

Ao contrário de Alan Franco, que jogou o primeiro jogo e ficou no banco no segundo, o zagueiro Junior Alonso foi reserva na primeira partida e titular contra o Brasil nessa terça. O xerife atleticano não conseguiu parar Neymar e cia e saiu de campo derrotado com o Paraguai por 2 a 0, com uma nota de apenas 6.4 no SofaScore. Por fim, o Chile de Eduardo Vargas, que foi titular nas duas partidas, viu sua seleção apenas empatar com a Bolívia, em casa. O atacante foi substituído no início da segunda etapa e teve nota 6.8 no aplicativo já citado.

Vale lembrar que esses gringos já convocados só voltam a jogar pelo Atlético depois da Copa América, já que ficarão em definitivo com suas seleções por conta da competição começar em apenas alguns dias. Por outro lado, Arana e Guga voltam nesta quarta (09), mas devem ser poupados de atuarem contra o Remo na quinta (10) e voltarem mesmo no fim de semana, contra o São Paulo, no Brasileirão.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top