Futebol Internacional

Sem sustos e com Lukaku e Hakimi inspirados, Inter de milão goleia o Benevento

— Continua depois da publicidade —

Jogando fora de casa, no Estádio Ciro Vigorito, a Internazionale de Milão passeou pra cima do modesto Benevento, vencendo o jogo por 5 a 2 em jogo válido ainda pela primeira rodada do Campeonato italiano. Os gols foram marcados pelos atacantes Romero Lukaku (2x) e Lautaro Martinez, o meia Gagliardini, e o lateral-direito Hakimi. No lado dos Giallorossi, o matador e camisa 17, Caprari descontou duas vezes.

Apesar de não ter jogado na sua casa, o Nerazzurri jogou em cima dos bruxos, colocando pressão desde o primeiro minuto do apito inicial. A insistência foi tanta que o marcador foi inaugurado na partida. Em jogada pela direita da Inter, Alexis Sanchez, na entrada da área, tocou em velocidade para o lateral-direito Hakimi que cruzou forte e rasteiro no pé direito de Lukaku que nem se incomodou com a marcação da zaga e mandou a bola para o fundo das redes. 1 a 0.

O time do ex-atacante, e agora técnico, Filippo Inzaghi, com uma limitação técnica notória, não conseguia a posse de bola a tempo de fazer uma jogada que levasse perigo ao gol do arqueiro Handanovič. Com isso, a esquadra vermelha e amarela foi se desgastando pois tinha uma marcação alta, pressionando também os zagueiros da esquadra de Antonio Conte, dificultando a saída de bola, mas por muita vezes sem sucesso, fazendo com que os espaços para os atletas da inter fossem aproveitados.

E com 25 minutos da etapa inicial, Hakimi cruzou forte e a bola cruzou quase toda a área, sobrando para o ala-esquerdo Young que só tocou de esquerda para o meia Gagliardini, que chutou de canhota no canto direito do goleiro Montipo. 2 a 0. O Benevento tentava buscar alguma jogada ofensiva, mas era interceptado, muitas vezes antes mesmo de sair do seu campo. E não demorou para que outro gol saísse, pela intensidade dos visitantes.

Para se ter uma ideia, a Inter já tinha chutado quatro vezes à gol, marcando duas vezes. O Benevento teve a metade dos arremates, sendo um no alvo que foi defendido pelo goleiro nerazzurri. E com 28 minutos de jogo, essa estatística aumentou para os visitantes. Em jogada pela esqueda, Gagliardini cruzou rasteiro para Alexis Sanchez, que fez o corta-luz, deixando Lukaku literalmente sozinho. O camisa nove belga ajeitou e bateu, quase que da marca do pênalti, de pé esquerdo no canto de Montipo. 3 a 0.

Depois de um início de intensidade e com uma vantagem significativa, era natural que a Inter fosse “relaxar” no sentido de tentar controlar o jogo com posse de bola e sem ser atacado. Como falam na língua da boleiragem: “era só administrar o jogo e fechar a casinha””. Entretanto, no primeiro vacilo dado pelos visitantes, os Giallorossi não perdoaram. Com 34 minutos, Handanovič saiu errado com os pés e a bola sobrou na perna direita de Caprari que só ajeitou o corpo e bateu forte de pé direito para descontar. 3 a 1. Poderia ser um princípio da revolta dos donos da casa em uma possível revirada ou até a busca pelo empate. Poderia.

Aos 42 minutos do primeiro tempo, em mais uma jogada pelo lado esquerdo, Young cruzou rasteiro para Lukaku que tentou o arremate de pé esquerdo, mas acabou furando. A bola sobrou para o zagueiro Caldirola que tentou dominar, mas a bola acabou escapando do marcador. A atenção que faltou para a defesa do Benevento sobrou para o lateral-direito Hakimi, que estava atento na jogada e, em velocidade, bateu de pé direito no canto. 4 a 1.

Sim, senhoras e senhores, o primeiro tempo foi recheado de jogadas e gols marcados. Promessa de uma etapa final digna de emoção, certo? Errado!

No segundo tempo, Internazionale de Milão e Benevento protagonizaram uma partida pra lá de morna. Tanto que só aos 71 minutos saiu mais um gol e de um personagem já conhecido de todo jornalista que escreve sobre a Série A Tim. Depois de receber passe do “garçom” Alexis Sanchez, Lautaro Martinez ajeita para o pé direito e, da entrada da área, bate forte rasteiro no canto do arqueiro Giallorossi, Montipo. 5 a 1.

A resposta, por mais que já não adiantasse muito, veio cinco minutos depois. Com 76 minutos da etapa final, em um esperado contra-ataque, Lapadula fez cruzamento rasteiro do lado direito e achou o camisa 17 Caprari que só teve o trabalho de empurrar a bola pro gol e fechar a conta no Estádio Ciro Vigorito. 5 a 2.

Com a vitória no jogo remarcado, a Inter alcança a vice-liderança, com seis pontos e agora enfrenta a Lazio no próximo domingo, enquanto que o Benevento cai para a 13ª posição e joga em casa contra o Bologna no mesmo dia. Ambos os jogos serão pela terceira rodada do Campeonato italiano.

Clique para comentar

Deixe uma resposta

As últimas

To Top