Esportes olímpicos

SESI-Bauru derrota Sesc RJ Flamengo e empata série de quartas de final da Superliga feminina

Foto: Marcelo Cortes/CRF

Depois de vencer o primeiro jogo das quartas de final, o Sesc RJ Flamengo recebeu o Sesi Bauru, no ginásio Hélio Maurício, na noite dessa segunda-feira (15), para se juntar ao Osasco Audax São Cristóvão Saúde como os dois primeiros times classificados para a semifinal da Superliga feminina.

LEIA TAMBÉM: Fiat/Minas se classifica para as semifinais da Superliga após bater Blumenau em dois jogos

O primeiro set foi de domínio total do Sesi Bauru até o final. Precisando da vitória para se manter vivo na série, o time paulista se aproveitou dos erros do adversário e do bom posicionamento do seu bloqueio e defesa para sair na frente na primeira parcial: 20-25. Embalado pela vantagem na parcial anterior, as comandadas do treinador Rubinho se mantiveram com folga na frente do placar no segundo set e repetiram o placar do set anterior: 20-25, ficando a apenas um set do empate na série.

Sesc RJ Flamengo não vê a cor da bola e Sesi Bauru leva confronto para o terceiro jogo

No terceiro e decisivo set, o Sesc RJ Flamengo entrou pressionado pelo resultado e não conseguiu furar o bloqueio e a forte defesa do rival paulista. Além do clube bauruense se manter firme nas viradas de bolas, os erros das donas da casa permaneceram altos na terceira parcial. Bernardinho tentou reverter a derrota parcial com trocas pontuais, como Gabiru e Ariele, entrando em momentos diferentes do set, para melhorar o serviço e o fundo de quadra carioca, respectivamente. Assim, as cariocas chegaram a encostar no placar no final da última parcial, quando o Sesi Bauru chegou a ter 24-19 de vantagem, e com Lorenne no saque e o bloqueio funcionando com Juciely, descontaram para 24-22, contudo, Polina Rahimova deu números finais à partida: 25-22.

Com o resultado, o Sesi Bauru empatou a série de quartas de final contra o Sesc RJ Flamengo, e agora se enfrentam nessa sexta-feira (18), às 19h, para decidir uma vaga na semifinal da Superliga. Em virtude do decreto de restrições sanitárias para conter a contaminação de covid-19 do governador João Dória, o jogo não poderá ser disputado no estado de São Paulo, mas ainda não tem confirmação de novo local.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterFacebook e Instagram

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado.

As últimas

To Top