Atlético-MG

Tapumes que cercam Arena MRV ganharão grafites feitos por artistas de BH

Foto: Divulgação/Atlético

A partir desta quarta-feira os tapumes da Arena MRV ficarão mais coloridos. É que os “muros” que cercam o terreno do futuro estádio do Atlético-MG, no bairro Califórnia, Região Noroeste de Belo Horizonte, ganharão grafites feitos por artistas de Belo Horizonte.

Os desenhos serão feitos nas cores preto, cinza, branco, amarelo e dourado e serão um mistura de símbolos importantes para o Atlético como o escudo, os torcedores, jogadores importantes para o clube, como Reinaldo e Ronaldinho Gaúcho e o mascote Galo.

Ao todo dez artistas serão responsáveis pelas artes na Arena MRV. Tot, um dos grafiteiros participantes do projeto, fez da chance uma oportunidade de homenagear um grande ídolo: Ronaldinho Gaúcho.

“Eles deram até a oportunidade de seguir algumas outras temáticas, mas eu preferi seguir essa linha do futebol e homenagear um jogador que é um grande ídolo, Ronaldinho Gaúcho, e o título da [Copa] Libertadores”, disse ao Esporte News Mundo.

“Apesar de já ter pintado em outros grandes eventos, fiquei muito feliz pelo convite, porque eu sei que vai ter uma visibilidade muito grande e por estar dividindo espaço com esses artistas. A maioria eu já conheço, já trabalhei com muitos deles e sempre é bom ter essa interação com outros artistas e também sempre cada trabalho é um aprendizado a mais.”

Já Mariana Marinato encontrou no amor da massa a grande inspiração para a arte que fará nos muros do futuro estádio dessa torcida apaixonada.

“Para mim é uma grande honra participar de um grande projeto como esse. A construção desse estádio é uma grande obra, é um grande feito, tanto pro clube quanto para Belo Horizonte. Tem muita gente feliz com a construção desse estádio e eu estou muito feliz de poder expor meu trabalho. Eu vou tentar trazer o amor incondicional que os atleticanos sentem pelo time, essa torcida tão linda, esse amor tão bonito, a importância também do estádio, da história, da construção”, contou a artista ao ENM.

Lauro Magalhães também é um dos artistas que participará do projeto e disse que a oportunidade é a realização de sonho, já que ele tem como objetivo viver de “muralismo”. Ele escolheu como temática o hip-hop.

“Meu mural chama BH Golden Era. Esse termo remete a época de maior destaque do hip-hop e eu faço menção a essência do grafite, que são as letras, e é um trabalho na mesma identidade visual dos meus trabalhos nos posto de saúde aqui de BH, que é uma geometria padrão mesclada a uma fotografia, sempre para homenagear alguém. No caso eu decidi homenagear o Gustavo Djonga e o Matheus Maores, que são meus mcs favoritos de BH.”

“Em relação aos artistas eu estou muito empolgado, porque para mim BH é a cidade da arte, é a cena mais forte. São artistas de 20 anos de caminhada, são pessoas que admiro, já sigo há um tempo e não tem dinheiro que pague isso, você pintar ao lado da sua referência”, contou ao ENM.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top