Futebol americano

OPINIÃO: Time da metade da temporada da NFL 2021

Time da metade da temporada da NFL é liderado por Matthew Stafford (Rams).
Ben Liebenberg/NFL

Com o fim da semana 9 da NFL, chegamos já ao meio do caminho. Como ela voa, daqui a pouco chega a fase de wild card e em fevereiro teremos os dois finalistas que disputaram o grande título no Super Bowl LVI, no Sofi Stadium, casa das equipes de Los Angeles, os Chargers e os Rams. Mas antes, vamos conferir os jogadores que mais se destacaram até aqui e formam o time da metade da temporada da NFL.

Parece que o ambiente ensolarado de Los Angeles fez bem a Matthew Stafford. Sua parceria com Sean McVay tem dado muito certo, ele lidera a liga em jardas aéreas com 2,771 e um aproveitamento de 68,2% com 23 touchdowns até o momento, segunda melhor marca da NFL e apenas seis interceptações. Com um rating de 69,7, também o melhor da temporada.

No backfield, Derrick Henry continua com seus números absurdos similares a da temporada passada. Ele lidera a NFL em tentativas de corrida (219); jardas terrestres (937) e touchdowns (10) com 4.3 jardas por carregada. Porém, o running back do Tennessee Titans está fora de 8 a 10 semanas com uma fratura no osso do pé.

No grupo de recebedores, o calouro Ja’Marr Chase tem tido uma química impressionante remontando a dupla campeã do College Football com LSU Tigers em 2019 com Joe Burrow. A quinta escolha geral tem até o momento 44 recepções para 835 jardas, terceira melhor marca da NFL, sete touchdowns e uma média de 19 jardas por captura.

A sua dupla vem da NFC West, Cooper Kupp que está tendo uma conexão fantástica com Stafford. O receiver dos Rams lidera a NFL em recepções com 74; jardas recebidas; 1019 e em touchdowns, 10. Mark Andrews será o homem dos bloqueios e também será alvo de passes. O tight end do Baltimore Ravens recebeu 48 passes de Lamar Jackson até o momento para 623 jardas e quatro touchdowns.

Passando para a linha que protegerá Stafford das pressões e sacks comecemos pelos dois ofensive tackles: Tyron Smith do Dallas Cowboys e o secundanista Michael Onwenu do New England Patriots. Os guards são Joel Bitonio do Cleveland Browns e outro Cowboy, Zach Martin. Quem tem a responsabilidade de lançar a bola por de baixo das pernas para o quarterback é o calouro do Kansas City Chiefs, Creed Humphrey.

Siga o Esporte News Mundo no TwitterInstagram e Facebook.

Na linha defensiva temos uma dupla veterana de calibre para as posições de defensive tackle. Cameron Heyward (Steelers) que tem 25 tackles SOLO, 2.5 sacks, um fumble forçado e uma interceptação. E claro, o homem que já foi três vezes melhor defensor do ano, Aaron Donald (Rams), são 15 tackles SOLO, seis sacks e um fumble forçado.

Vita Vea (Buccaneers) e Chandler Jones (Cardinals) são os defensive ends. Nas extremidades da linha, Trevon Diggs está em um segundo ano mágico com o Dallas Cowboys seu estilo agressivo de se antecipar ao passe já o contabilizou com sete interceptações e 12 passes defendidos, melhores marcas da temporada. Ele é um dos jogadores que mais estão mais se destacando em seu segundo ano na NFL. JC Jackson, do New England Patriots tem sido um dos principais fatores pela melhora visível da defesa de Bill Belichick. São 31 tackles SOLO, cinco interceptações e também 12 passes defendidos.

No segundo nível da defesa temos um trio parada dura, TJ Watt do Pittsbugh Steelers e Harold Landry III, do Tennessee Titans fazem a dupla de linebacks junto com Myles Garrett, o devorador de quarterbacks na função de EDGE. O irmão mais novo de JJ Watt (Cardinals) não renovou seu contrato com Pittsburgh a preço de ouro a toa, ele tem 11.5 sacks (2°) e três fumbles forçados. Enquanto a primeira escolha geral dos Browns de 2017 lidera a NFL em sacks com 12.

Para cobrir os passes em profundidade temos uma dupla de “Titãs”, Amani Hooker e Kevin Byard. Hooker já acumula 22 tackles SOLO, um fumble forçado e um passe defendido. Seu companheiro de setor tem se destacado nas interceptações são cinco até o momento, segundo melhor marca da NFL, e 11 passes defendidos, terceira melhor marca. Ainda o safety tem um fumble forçado e 28 tackles SOLO.

Fechando com o time de especialista o brasileiro Cairo Santos, do Chicago Bears será o chutador da equipe. Apesar dos Bears estarem com uma campanha pífia, três vitórias em nove jogos, Cairo errou apenas um field goal em 14 tentados este ano. Ele vinha com uma sequência magnífica de 40 chutes convertidos mas, no último Monday Night contra os Steelers ele errou um chute de 65 jardas, tentativa mais longa de sua carreira , no último lance da partida.

O punter do time de meio de temporada da NFL é AJ Cole do Las Vegas Raiders que chutou 31 bolas viajando 1624 jardas a uma média de 52,4 por tentativa e 13 desses foram atrás da linha das 20 jardas. Ou seja, Cole coloca seus adversário a maioria das vezes contra a parede.

Quer ficar por dentro de tudo dos esportes americanos? Siga o Podcast Timeout no Spotify!

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top