Grêmio

‘Todo jogador quer jogar’ diz Brenno sobre a competição por posições no Grêmio

Foto: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Na tarde de hoje (22), o goleiro Brenno deu entrevista coletiva após o treinamento. Entre muitas perguntas, uma delas foi a disputa de posições dentro do Grêmio. Para a posição de goleiro, o tricolor conta com uma disputa entre Brenno e Gabriel Chapecó, além de contar com Adriel, que não teve chances para mostrar futebol em campo. Sobre isso, o goleiro fala:

– Todo jogador quer jogar. Eu fui para as Olimpíadas e quando voltei, Chapecó estava vivendo grande momento. A gente cresceu junto. Eu soube respeitar o momento dele e a decisão do Felipão. Continuei me dedicando nos treinos.

Além disso, Brenno diz que sentiu a falta de ritmo de jogo quando foi para as Olimpíadas de Tóquio em 2020, onde conquistaram o segundo ouro na modalidade do futebol masculino. Além disso, o goleiro elogia o clima que está tendo no vestiário após a chegada do técnico Vagner Mancini, que já somou uma vitória:

– O nosso ambiente está muito bom, estamos felizes. A vitória ajuda a melhorar o ambiente, mas o trabalho está sendo bem feito. Temos que apegar nisso, no trabalho. O resultado é alcançado pelo trabalho.

Para saber mais sobre o Grêmio, siga o Esporte News Mundo no Facebook, Instagram e Twitter, além de se inscrever no nosso canal de YouTube

O goleiro é mais um atleta oriundo da base gremista, que não para de revelar jogadores, indo de Marcelo Grohe até Everton. Sobre a identificação do jovem goleiro com o Grêmio, o atleta comenta:

– Todo o jogador que vem da base é identificado com o clube. A maioria morou no Olímpico. Não tem como não ter essa identificação. E comigo não é diferente. Quando as vitórias não acontecem, a gente acaba se frustrando. Continuem nos apoiando que a gente vai se dedicar.

Click to comment

Comente esta reportagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

As últimas

To Top